Primeiro ato de René na Lusa: levantar a autoestima

O técnico René Simões chegou ao Canindé, ontem, e anunciou que a sua primeira missão na Lusa será recuperar a parte psicológica dos jogadores. "A primeira coisa a se fazer é levantar a autoestima dos atletas. Temos de fazer com que eles acreditem em si mesmos para reverter esse quadro em que a Portuguesa se encontra. A partir daí, colocarei minha forma de trabalhar", afirmou, para depois explicar como quer ver o time em campo. "Não penso em fazer o time jogar para mim. Quero que o time jogue pela Portuguesa, e isso é o que vamos buscar daqui para frente", afirmou. A estreia de René Simões no comando da Portuguesa já começa com uma "pedreira": amanhã, enfrenta o forte Vasco, no Canindé. O time tem 27 pontos, está na 5ª colocação, e pode chegar ao G-4 em caso de vitória. O problema é que o Vasco, com 33 pontos, é o 2º e briga pela liderança com o Atlético-GO. A rodada começa hoje com quatro partidas, todas às 21 horas. O líder Atlético Goianiense recebe o Juventude e tenta se garantir na primeira colocação. O adversário luta para sair da zona do rebaixamento. Outro bom duelo ocorre no Castelão, em Fortaleza, onde o Ceará, 4º com 29 pontos, terá pela frente a Ponte Preta, 6ª com 26. Os dois são concorrentes diretos por uma vaga no G-4. Na zona intermediária, o Brasiliense, 10º com 23, recebe o Bragantino, 8º com 26. E também hoje Paraná e Vila Nova duelam contra o rebaixamento. Amanhã, mais seis jogos serão realizados e, além da Portuguesa, mais dois paulistas estarão em ação. Em casa e animado pelo fim do jejum de vitórias, o Guarani pega o Bahia e luta para se manter no G-4 nesta virada de 1º turno, depois de ter sido o líder durante a maior parte da competição. No ABC, o embalado São Caetano, invicto há cinco rodadas e em ascensão na classificação (saiu da zona do rebaixamento e hoje é o 9º, com 24 pontos, recebe o Fortaleza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.