Promessa do beisebol, Oscar Taveras morre em acidente de carro

Promessa do beisebol, Oscar Taveras morre em acidente de carro

Dominicano jogador do Saint Louis Cardinals sofreu acidente em uma estrada de Puerto Plata e não resistiu. Ele tinha 22 anos

Estadão Conteúdo

27 de outubro de 2014 | 10h33

Oscar Taveras, um promissor jogador dominicano de beisebol, morreu em um acidente de carro na cidade de Puerto Plata, no seu país natal. A informação da morte do atleta, de 22 anos, foi confirmada pelo St. Louis Cardinals, equipe pela qual ele estreou na atual temporada da liga norte-americana (MLB, na sigla em inglês).

Edilia Arvelo, de 18 anos, que acompanhava Taveras também morreu no acidente. "Oscar morreu em um acidente quando dirigia com uma jovem em Puerto Prata", disse Ángel Ovalles, representante do Cardenals na República Dominicana.

O jogador estava dirigindo um Chevrolet Camaro vermelho 2014, quando sofreu o acidente na estrada entre as praias de Sosua e Cabarete, na periferia da cidade de Puerto Plata, disse o coronel Diego Pesqueira, da Agência Metropolitana de Transporte. "Ele não carregava documentos no momento do acidente, mas seu corpo foi identificado por parentes", afirmou Pesqueira.

Taveras disputou 80 partidas pelo Cardinals na atual temporada da MLB, com média de rebatidas de 23,9%, com três home runs e 22 corridas impulsionadas. A equipe foi eliminada no seu primeiro mata-mata pelo San Francisco Giants.

O presidente do Cardinals, Bill DeWitt Jr., se mostrou consternado com a confirmação da morte do jovem jogador. "Estamos todos atordoados e profundamente entristecidos pela trágica perda de um dos membros mais jovens da família Cardinals", disse, em um comunicado. "Oscar era um talento incrível com um futuro brilhante que foi levado muito antes do tempo", lamentou.

Tudo o que sabemos sobre:
beisebolMLBOscar Taveras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.