Prudêncio se emociona

Ao atender o telefone, Nelson Prudêncio estava emocionado com mais esta conquista para o atletismo brasileiro. "Estou arrepiado até agora, ela não vai dormir hoje!". Duas vezes medalhista olímpico (prata em 1968, no México, e bronze em 1972, em Munique), Prudêncio sabe o que é ser um dos melhores esportistas do mundo. "É nesse instante que a vida permite que o nome do atleta esteja no livro da vida, é nesse momento que o atleta pode dizer ?eu sou o Brasil?".Para o triplista, a vitória de Maurren é conseqüência de muitos anos de trabalho, dela e do treinador, Nélio Moura. "O potencial genético é preponderante, mas o mais importante é a vontade. Como Ghandi disse: ?o esforço está na construção e não apenas na realização final?".Além do feito da brasileira, Prudêncio ressaltou a importância das mulheres nestes Jogos. Segundo ele, enquanto elas "fazem a diferença", incentivam outras, de diversas nacionalidades, a pensar que podem estar naquele lugar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.