Pugilistas romenos são expulsos do Mundial por roubo

Associação Internacional de Boxe Amador diz que não vai tolerar deslizes dos pugilistas participantes do evento

29 de outubro de 2007 | 16h12

Através de um anúncio exclusivo, a Associação Internacional de Boxe Amador (Aiba), decidiu, nesta segunda-feira, excluir os boxeadores romenos Marius Dinu, Ronald Gavril e Gabriel Stan, por roubo.   Os três boxeadores foram flagrados durante a tentativa de roubo numa loja em Chicago, cidade que sedia o Mundial de Boxe.   De acordo com o porta-voz da entidade, Richard Baker, a decisão serve de exemplo para que outros pugilistas não tentem sair do código de conduta estabelecido pela Aiba.   A Associação Internacional de Boxe Amador (Aiba) anunciou nesta segunda-feira a exclusão dos ringues dos boxeadores romenos Marius Dinu, Ronald Gavril e Gabriel Stan. O trio foi pego roubando uma loja em Chicago, onde está sendo disputado o Mundial da categoria.

Tudo o que sabemos sobre:
Mundial de BoxeAiba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.