Quatro atletas jamaicanos são suspensos por doping

Yohan Blake, Lansford Spence, Marvin Anderson e Allodin Fothergill já haviam admitido a culpa

Agencia Estado

14 de setembro de 2009 | 20h29

Quatro atletas jamaicanos foram suspensos nesta segunda-feira em três meses por doping. Os corredores são Yohan Blake, Lansford Spence, Marvin Anderson e Allodin Fothergill, que já haviam admitido o uso de substâncias proibidas.

Os atletas foram inocentados previamente por um comitê disciplinar, mas a comissão antidopagem jamaicana recorreu e um novo julgamento foi realizado nesta segunda-feira. A audiência que puniu os quatro ocorreu no ministério dos Esportes da Jamaica.

De acordo com a confissão, eles fizeram uso da substância proibida em junho, antes da disputa do Campeonato de Atletismo na Jamaica. Assim, ficaram fora do Mundial de atletismo, em Berlim, na Alemanha, onde disputariam os revezamentos.

Em agosto, um dos advogados de defesa, Lincoln Eatmon, afirmou que os atletas reconheciam a culpa para evitar uma "batalha longa e cara". Após a condenação, nenhum deles se manifestou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.