Queniano vence a Maratona de Londres pela 3.ª vez

Martin Lel ganha sua terceira corrida em quatro anos; tempo de 2h05min15 é o novo recorde da prova

EFE

13 de abril de 2008 | 09h39

O queniano Martin Lel, de 29 anos, conseguiu neste domingo sua terceira vitória em quatro anos na Maratona de Londres com tempo de 2h05min15, sua melhor marca pessoal e um novo recorde da corrida londrina.   Como no ano passado, Lel - vencedor em 2005 e em 2007, impôs seu formidável sprint frente ao compatriota Sammy Wanjiru, que acabou em segundo. O marroquino Abderrahim Goumri ficou em terceiro lugar e completou o pódio.   A maior maratona do mundo, com 40.000 corredores na saída, oferecia prêmio de US$ 125.000 ao vencedor.   FEMININAA alemã de origem cazaque Irina Mikitenko, de 35 anos, vence a prova feminina da Maratona de Londres com uma marca de 2h24min13, embaixo de chuva e com uma vantagem de 25 segundos sobre a russa Svetlana Zakharova. Uma das favoritas na prova, a etíope Gete Wami, ficou com o terceiro lugar.   A ausência da recordista mundial, Paula Radcliffe, que se lesionou em janeiro quando treinava no México, transformava em favoritas as etíopes Berhane Adere, bicampeã em Chicago, que apresentava a melhor marca pessoal (2h20min42), e Gete Wami, a segunda on ano passado.   Em sua primeira maratona londrina, Mikitenko, de 35 anos, conseguiu sua primeira vitória de prestígio universal e um prêmio de US$ 125.000.

Tudo o que sabemos sobre:
Maratona de LondresMartin Lel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.