Quenianos Geoffrey Kirui e Edna Kiplagat vencem a Maratona de Boston

Tempos anotados foram de 2h08min37 e 2h21min52, respectivamente

O Estado de S.Paulo

17 de abril de 2017 | 15h46

O queniano Geoffrey Kirui ganhou nesta segunda-feira a 121ª edição da Maratona de Boston ao deixar para trás o norte-americano Galen Rupp a pouco mais de três quilômetros do fim da meta e depoius terminar a corrida com um tempo de 2h08min37. Já a também queniana Edna Kiplagat triunfou na versão feminina com a marca de 2h21min52.

Rupp, que faturou a medalha de bronze na disputa da maratona na Olimpíada do Rio, no ano passado, terminou 21 segundos atrás, enquanto o japonês Suguru Osako ficou em terceiro lugar, com 30 segundos de desvantagem para o vencedor.

A vitória de Kiplagat veio logo na sua primeira participação na Maratona de Boston, sendo que ela já somava triunfos nas tradicionais provas de Londres, Nova York e Los Angeles. Ela venceu com uma vantagem de 59 segundos para a bareinita Rose Chelimo.

Jordan Hasay, que debutava nessa distância, chegou em terceiro lugar e Desi Linden na quarta posição, na primeira vez desde 1991 em que duas corredoras norte-americanas terminaram a Maratona de Boston nos quatro primeiros lugares.

A temperatura superou os 26ºC durante a prova, bem acima da média para esse período do ano em Boston, o que afetou o desempenho dos corredores. Mas o vento a favor foi um fator de ajuda aos competidores.

Antes da prova, autoridades de Boston anunciaram os planos de levantar monumentos onde ocorreram as duas explosões durante a prova de 2013. O escultor Pablo Eduardo será o encarregado de realizá-los na Boylston Street onde as explosões mataram três espectadores e feriram mais de 260 pessoas.

Tudo o que sabemos sobre:
Atletismoatletismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.