Real Madrid sofre para conseguir a 1.ª vitória

Time teve dificuldades em fazer 3 a 2 no La Coruña, na estreia da competição. Kaká não marca, mas joga bem

, O Estadao de S.Paulo

29 de agosto de 2009 | 00h00

Pouca gente duvida do favoritismo do Barcelona e do Real Madrid no Campeonato Espanhol. Só que o time madrilenho, mais uma vez apelidado de galáctico graças às suntuosas contratações, penou para ganhar do Deportivo la Coruña, por 3 a 2, em seu jogo de estreia, ontem, no Santiago Bernabéu. Se Kaká não marcou, apesar da boa atuação, o atual melhor do mundo, o português Cristiano Ronaldo, deixou sua marca, cobrando pênalti. Outro astro milionário esteve no estádio, mas sem atuar: o recordista jamaicano Usain Bolt, que deu o pontapé inicial da partida e foi ovacionado pelo público espanhol.Kaká lamentou não ter concretizado as chances de gol, mas saiu satisfeito. "O importante foi começar ganhando. Ainda é preciso encontrar um equilíbrio, que será fundamental para o resto da temporada. Hoje (ontem) o importante era a vitória", afirmou. O craque disse ainda que o técnico do Real Madrid, o chileno Manuel Pellegrini, "pediu mais naturalidade ao time no intervalo". O brasileiro não escondeu sua tristeza pela goleada de 4 a 0 (leia acima) sofrida pelo seu ex-time, o Milan. "Esse resultado foi inesperado. Espero que com (técnico) Leonardo possa melhorar no campeonato, não na Copa dos Campeões (em que o Milan será adversário do Real Madrid)."Além de Cristiano Ronaldo, marcaram para o Real Madrid Raúl e Diarra. Riki e Valerón fizeram os gols do Deportivo. No outro jogo de ontem, o Zaragoza venceu o Tenerife por 1 a 0.Os gigantes do país ganharam 16 dos últimos 20 títulos - nove do Barcelona e sete do Real Madrid. Mas os menos votados Valencia e Sevilla esperam passar por cima dos favoritos. Afinal, sonhar não custa nada. E logo de cara Valencia e Sevilla se encaram no Estádio Mestalla, hoje.Terceiro colocado na temporada passada, o Sevilla dos brasileiros Carleto, Renato e Luís Fabiano manteve todos os principais jogadores e ainda buscou dois importantes reforços: Zogora e o goleador Negredo para formar um trio ofensivo ao lado de Luís Fabiano e Kanouté. "Quero marcar gols, jogar mais e ajudar o Sevilla a conseguir os objetivos: tentar ganhar um título e garantir vaga na Copa dos Campeões", ressaltou Luís Fabiano. O Valencia conta com suas estrelas David Silva e David Villa - convocados pelo técnico Vicente del Bosque para classificar a seleção ao Mundial nos duelos contra Bélgica e Estônia - para superar os problemas financeiros e evitar campanha inconstante como a da temporada passada, na qual não passou da sexta colocação.No Atlético de Madrid, todas as fichas seguem depositadas no ataque com o uruguaio Forlán e o argentino Aguero. O primeiro desafio será contra o Málaga. Demais jogos do hoje: Athletic Bilbao x Espanyol, Mallorca x Jerez, Osasuna x Villarreal, Racing x Getafe e Almería x Valladolid. O Barcelona entra em campo amanhã, contra o Gijon.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.