Rebeca Gusmão pode perder o Mundial

Rebeca Gusmão deve desfalcar a equipe brasileira de natação no Mundial de Esportes Aquáticos em Montreal, no Canadá. As provas começam no domingo e ela está inscrita nas provas de 50 metros livre e 50 metros peito.No último treino antes de embarcar para o Canadá, na quarta-feira, Rebeca sentiu uma fisgada no joelho esquerdo quando fazia uma pernada do nado peito em Coral Springs, nos Estados Unidos, onde treina desde o início do ano sob o comando de Michael Lohberg, alemão radicado nos Estados Unidos, que também treina Thiago Pereira.Nesta quinta-feira, Rebeca passou por avaliação física fora da piscina com a comissão médica da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos que está no Canadá. Mas só depois de ressonância magnética marcada para amanhã é que os dirigentes definem se a nadadora participa ou não da competição.Rebeca não desanimou: "Falta uma semana até minhas provas. Gostaria muito de disputar o Mundial, mas não posso falar muito sobre o que houve enquanto não sair o diagnóstico. A esperança é a última que morre. E, como dizem, sou brasileira e não desisto nunca."Resultados do Mundial - Nos saltos ornamentais, Juliana Veloso salta nesta sexta-feira no trampolim de três metros. Nesta quinta, ela terminou em 11º lugar na plataforma de dez metros.Também nesta quinta-feira, César Castro e Ubirajara Barbosa caíram nas eliminatórias do trampolim de 1 metro. Terminaram em 19º e 27º lugares, respectivamente - apenas 12 dos 39 que participaram passavam à final.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.