Rebeca Gusmão: recorde e vaga em Atenas

O primeiro dia de final do Troféu Brasil de Natação foi marcado pela alegria da nova recordista sul-americana nos de 50 metros nado livre, Rebeca Gusmão, da AABB/Brasília, e a tristeza de Marco Antonio Sapucaia, da Unisanta/SP, que ficou a um centésimo do índice necessário para competir na Olimpíada de Atenas na disputa masculina. A confirmação de Rebeca e Flávia Delaroli, do Pinheiros/SP, na Grécia, é um feito histórico, já que pela primeira vez o Brasil terá duas atletas classificadas para nadar a mesma prova."O tempo que fiz foi muito bom e agora já dá para começar a pensar em alguma coisa em Atenas", festejou Rebeca, que além de superar o recorde sul-americano de Flávia, o tempo de 25s17 é a oitava melhor marca mundial do ano. "Agora é tentar baixar esse tempo para a casa dos 24s." Enquanto Rebeca ainda comemorava, Sapucaia caia n?água e via o sonho olímpico de representar o Brasil nos 50m, livre, não se realizar por um centésimo, com seu tempo de 22s52. O vencedor da disputa foi Fernando Scherer, o Xuxa, do Pinheiros, 22s50, que já havia assegurado uma vaga olímpica por ter registrado a marca de 22s40. A terceira colocação ficou com Jáder Souza, do Euclides Rodrigues, 22s55."Foi por uma unha. Agora vou deixar ela crescer", disse Sapucaia, consolado por Xuxa, que na seletiva para os Jogos de Barcelona, em 1992, também ficou a um centésimo de se classificar na prova. "Não posso me abater, porque ainda vou tentar o índice nos 100m, livre, no sábado e domingo." Nas outras provas do dia, vitórias para Marcelle Lopes, do CNRAC/ES, e Henrique Barbosa, do Minas Tênis, nos 200m, peito, feminino e masculino, respectivamente. Além de Poliana Okimoto, do Pinheiros/SP, nos 800m, livre, e Luiz Lima, da Unisanta/SP. Com os resultados, o Pinheiros/SP lidera a tabela de classificação do Troféu Brasil com um total de 315 pontos. Em segundo está a Unisanta, de Santos, com 221,5, seguido pelo Minas Tênis, 213,5.Para o terceiro dia de disputa do Troféu Brasil, última oportunidade para os atletas brasileiros se classificarem aos Jogos Olímpicos, estão previstas as finais masculinas e femininas dos 200m, livre, 100m, borboleta, 400m, medley, 50m, costas além dos revezementos 4x200m, livre, pela manhã. E, à tarde, as provas eliminatórias dos 50m, borboleta, 400m, livre, 200m, costas, além dos revezamentos 4x50m, livre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.