Rebelo promete suporte a atletas e equipes

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, afirmou ontem que pretende ampliar o programa Bolsa Atleta a partir de 2013 como parte do planejamento para a Olimpíada do Rio em 2016. "Não é o suficiente proteger o atleta apenas com uma bolsa. Ele necessita do técnico, do fisioterapeuta, psicólogo, nutricionista e é fundamental fornecer esse suporte para melhorar o rendimento dos atletas e equipes", disse Rebelo, durante lançamento de projetos da Petrobrás de inclusão por meio do esporte, no Rio. "O critério a ser utilizado é o do mérito. Este é o modelo usado no mundo inteiro."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.