Recuperado de concussão, Arrascaeta volta a treinar no Cruzeiro

Quase duas semanas após sofrer uma concussão cerebral, em jogo da Copa do Brasil, o meia Arrascaeta voltou a treinar normalmente com o grupo do Cruzeiro nesta quarta-feira. Ele deve ficar à disposição do técnico Paulo Bento, apresentado pela diretoria mineira na segunda-feira, para o jogo contra o Figueirense, sábado, no Mineirão.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

18 de maio de 2016 | 15h09

"Estava com um pouco de dor, no dia seguinte de jogo passou tudo, agora estou de volta e trabalhando com o grupo", comemorou o meia uruguaio, que não joga desde o dia 5. Nesta data, ele sofreu forte pancada na cabeça, na partida da volta contra o Campinense, ainda pela primeira fase da Copa do Brasil.

Por causa da recuperação, ficou de fora do jogo de ida contra o Londrina (o Cruzeiro eliminou a partida da volta e garantiu vaga direta na 3ª fase) e também perdeu a estreia no Brasileirão, contra o Coritiba, no sábado.

"Fiz trabalho específico de massa muscular, mas o mais importante disso tudo é a confiança de cada um dentro do jogo, quando está confiante, tudo dá certo. Mas a massa muscular é muito importante para o futebol de hoje", explicou o meia.

Em seu retorno, Arrascaeta pôde conhecer o estilo de trabalho do novo treinador cruzeirense, contratado para substituir Deivid. "Ontem vimos o primeiro treino dele, treino com muita intensidade, muito volume de bola, tem de ter qualidade no treino, isso vai ser melhorar o nosso time. O grupo tem que entender a qualidade que ele vai querer no jogo, estes dias vamos aprender o plano de jogo que ele vai querer implementar", disse o uruguaio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.