Renê Simões já alcançou seu objetivo

Renê Simões tem consciência de que parte de seu trabalho está feito. O treinador assumiu a seleção feminina de futebol com a responsabilidade de levar o time pelo menos às semifinais da Olimpíada. Por isso, a vitória desta sexta-feira sobre as mexicanas teve um sabor especial: o objetivo foi alcançado."Sempre comentaram que o clima entre as jogadoras não era bom, mas nunca tive problema com elas. São excelentes dentro e fora de campo. Gosto muito da obediência tática que elas têm demonstrado. Sempre que penso em fazer uma mudança tática, elas fazem o melhor para a equipe", elogiou o treinador.O futebol feminino entrou nas olimpíadas em 1996. De lá para cá, o Brasil sempre chegou às semifinais, mas ainda não sentiu o gostinho de conquistar uma medalha. "Foi assim em Atlanta e em Sydney. Agora, chegamos de novo e vamos ter que tentar algo diferente para desta vez alcançarmos esse objetivo", disse Renê.O técnico lamenta apenas o fato de o futebol feminino ainda não ter conquistado o seu espaço no Brasil. "Não tenho dúvida da qualidade das jogadoras que temos no País. Mas falta estrutura. Essas garotas jogam muito futebol. É um absurdo que uma jogadora como a Formiga esteja há oito meses sem clube", lamentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.