Resolução não atinge partidas da Libertadores

A proibição do uso de fogos de artifícios e sinalizadores nos estádios vale apenas para competições organizadas pela Federação Paulista de Futebol, ou seja, não se aplica a jogos do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e de torneios internacionais como a Taça Libertadores. Mas em breve poderá ser adotada por federações de outros Estados e até mesmo pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

O Estado de S.Paulo

28 de fevereiro de 2013 | 02h09

Pelo menos é essa a expectativa do presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo, Mauro Marcelo de Lima e Silva: "Eu vou comunicar ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e, se (o órgão) entender que é pertinente, poderá estender para todo o País'', disse.

Como Marco Polo del Nero, presidente da FPF e mentor da resolução, é um dos vices da CBF, a tendência é que a entidade também adote a proibição. / A.L.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.