David Mercado/Reuters
David Mercado/Reuters

Restam oito vagas para Felipão fechar a lista para a Copa das Confederações

Amistoso diante da Bolívia serviu para o técnico definir mais alguns nomes para o torneio em junho

Raphael Ramos, Enviado Especial, O Estado de S.Paulo

08 de abril de 2013 | 02h04

SANTA CRUZ DE LA SIERRA - Luiz Felipe Scolari tem poucas dúvidas para fechar o grupo que defenderá o Brasil na Copa das Confederações. A base do time titular está definida desde os amistosos contra Itália e Rússia, mês passado, e a goleada por 4 a 0 sobre a Bolívia, sábado, serviu mais para o treinador avaliar o rendimento de atletas que podem compor o elenco. De acordo com Felipão, oito vagas ainda estão em aberto. "Eu tenho já 14, 15 convocados hipoteticamente na minha cabeça e preciso formar um time com 23", disse.

E entre esses jogadores que já estão "pré-convocados" alguns atuaram em Santa Cruz de la Sierra, segundo treinador. "Aqui estão sete, oito, nove, dez jogadores da seleção que vai ser convocada para a Copa das Confederações", avisou. A lista será divulgado no dia 14 de maio.

Os nomes certos são Neymar, Jean e Paulinho. Também estão bem cotados Ronaldinho Gaúcho e Leandro Damião.

Na zaga, Rever ganhou pontos com o treinador e a disputa por um lugar no grupo ficou mais acirrada. "Vi algumas coisas que me fazem pensar bastante. Cada vez que eu coloco um zagueiro, ele preenche aquilo que eu imagino para a posição. O Rever foi muito bem, então eu tenho quatro, cinco, na mesma condição. Isso é ótimo porque vai me dando opções", disse.

Entre os zagueiros, Thiago Silva e David Luiz têm lugar garantido e as outras opções, além de Rever, são Dante, Dedé e Miranda.

A última oportunidade de os jogadores mostrarem serviço a Felipão antes da convocação para a Copa das Confederações será no dia 24, quando a seleção enfrenta o Chile no Mineirão. Mais uma vez, o treinador poderá chamar apenas atletas que atuam no País, por isso o time deve ser muito parecido com o que atuou sábado diante da Bolívia.

Os quatro atletas da seleção Sub-20 que foram convocados dessa vez (Leandro, Douglas Santos, Dória e Matheus Vidotto) não devem ser chamados e Felipão pode dar chance a jogadores que se recuperam de lesão, casos de Bernard (Atlético-MG) e Henrique (Palmeiras).

"Provavelmente desses 17 que aqui estiveram, eu vou ter 13, 14 no jogo contra o Chile. Avancei um pouco nessa convocação e aí posso avançar depois do jogo contra o Chile para uma definição total para a Copa das Confederações."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.