RESUMO ESPORTIVO: Corinthians bate Sport na Ilha e Real Madrid é campeão europeu

E mais: Palmeiras perde, Castroneves é vice em Indianápolis e Federer estreia com vitória em Roland Garros

O Estado de S. Paulo

25 de maio de 2014 | 23h00

SÃO PAULO - Faltando apenas uma rodada para pausa no Brasileirão, antes da Copa do Mundo, os times buscam estabilidade na tabela para promover as reformulações necessárias durante o período de descanso. Corinthians e São Paulo bateram seus adversários e querem chegar ao G4. No entanto, o Palmeiras foi derrotado e o Santos não saiu do 0 a 0, ligando o alerta contra o rebaixamento.

Na Europa, o Real Madrid bateu o Atlético de Madrid na prorrogação e conquistou seu décimo título da Liga dos Campeões. No primeiro dia de Roland Garros, Roger Federer e Serena Williams estrearam com vitórias tranquilas. Hélio Castroneves, que chegou a liderar as 500 Milhas de Indianápolis, terminou em segundo lugar, e Nico Rosberg foi campeão em Mônaco, conquistando a sexta vitória da Mercedes em seis corridas.

Confira as principais notícias do fim de semana esportivo no Brasil e no mundo.

SÃO PAULO

Mesmo não atuando bem, o São Paulo fez o dever de casa e bateu o Grêmio por 1 a 0 no Morumbi. O gol redimiu o zagueiro Lucão, que no meio da semana passada marcou contra diante do Fluminense.

CORINTHIANS

Após dois tropeços em casa, o Corinthians voltou a triunfar no Campeonato Brasileiro. Na Ilha do Retiro, o time alvinegro bateu o Sport por 4 a 1, com Jadson e Romarinho marcando dois gols cada. A nota triste fica por conta do goleiro Cássio, que saiu de campo machucado logo com 10 minutos de jogo.

SANTOS

Em uma partida de nível técnico baixo, Santos e Flamengo não saíram de um empate em 0 a 0 no Morumbi. O destaque fica por conta do gol incrível perdido por Paulinho no fim do jogo.

PALMEIRAS

Depois de uma breve euforia por conta das vitórias seguidas e da contratação do novo técnico, Ricardo Gareca, o Palmeiras precisa recolocar os pés no chão. Com muitas dificuldades na marcação e na criação, a equipe, ainda comandada pelo interino Alberto Valentim, perdeu para o até então lanterna Chapecoense por 2 a 0.

CAMPEONATO BRASILEIRO

Ainda pela 7.ª rodada, a penúltima antes da Copa do Mundo, o Fluminense derrotou o Bahia por 1 a 0, assim como o Goiás, em cima do Figueirense. No clássico paranaense, Atlético-PR bateu o Coritiba por 2 a 0 com ajuda do zagueiro Luccas Claro, que desviou o primeiro e marcou o segundo gol do adversário. Atlético-MG e Criciúma empataram sem gols e o Botafogo ficou no 1 a 1 com o Vitória e continua na zona da degola. Já o Cruzeiro acabou com a invencibilidade do Internacional, ao fazer 3 a 1, e se firmou na liderança.

LIGA DOS CAMPEÕES

O Real Madrid conseguiu a tão sonhada 10.ª taça da Liga dos Campeões da Europa no último sábado (24), ao bater o Atlético de Madrid de virada. O time merengue saiu perdendo e conseguiu o empate nos acréscimos. Na prorrogação, Bale, Marcelo e Cristiano Ronaldo decretaram a goleada por 4 a 1.

FÓRMULA 1

Largando na pole position, o alemão Nico Rosberg não deu chances aos adversários e venceu o GP de Mônaco, dando a sexta vitória para a Mercedes em seis corridas disputadas até aqui, e voltando a liderar o Mundial de Pilotos.

FÓRMULA INDY

Hélio Castroneves chegou a liderar as 500 milhas de Indianápolis, mas foi ultrapassado na última volta por Ryan Hunter-Reay, que recebeu a bandeirada com apenas seis décimos de segundo em relação ao brasileiro.

TÊNIS

No primeiro dia de Roland Garros, segundo Grand Slam do ano, o suíço Roger Federer bateu o eslovaco Lucas Lacko e igualou o número de vitórias de Guillermo Vilas no Aberto da França. Tomas Berdych, Jo Wilfried-Tsonga, Alexandr Dolgopolov e Milos Raonic triunfaram em sets diretos na estreia. No feminino, Serena e Venus Williams também avançaram.

UFC

O potiguar Renan Barão perdeu uma invencibilidade de 33 lutas na edição 173 do UFC. O brasileiro, que não era derrotado desde 2005, foi superado pelo norte-americano TJ Dillashaw, que agora ostenta o cinturão no peso-galo. Na categoria meio-pesado, Daniel Cornier não tomou conhecimento de Dan Henderson e desafiou o atual campeão Jon Jones após o combate.

VÔLEI

Assim como na sexta-feira, a seleção brasileira masculina foi novamente derrotada pela Itália, no sábado, pela Liga Mundial de Vôlei. Sem ritmo, a equipe comandada por Bernardinho sofreu com o saque adversário e perdeu por 3 sets a 1, com parciais de 25/17, 24/26, 25/23 e 25/20.

Tudo o que sabemos sobre:
Resumo esportivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.