Resumo Esportivo: Cruzeiro perde e São Paulo cola na liderança

E mais: Morumbi recebe 58 mil torcedores, seleção de vôlei cai em grupo da morte Mundial e Bellucci coloca Brasil na elite da Davis

O Estado de S. Paulo

14 Setembro 2014 | 23h50

O fim de semana foi perfeito para o São Paulo, que diminui para quatro pontos a diferença para o líder do Brasileirão, Cruzeiro, derrotado por 2 a 0. Santos também ganhou, mas Palmeiras e Corinthians perderam no Maracanã. Neymar e Diego Costa brilharam nos campeonatos europeus, Thomaz Bellucci bateu o espanhol Bautista Aguti e recolocou o Brasil na elite da Copa Davis e os Estados Unidos conquistaram a Copa do Mundo de Basquete. Confira os principais resultados.

SÃO PAULO

Em briga direta no topo da tabela, o São Paulo quebrou uma invencibilidade de 18 jogos do Cruzeiro (contando com a Copa do Brasil), ao fazer 2 a 0, no Morumbi. Cada vez mais encaixado, o quarteto do time tricolor deu show mais uma vez, com um gol de Alan Kardec e outro de Rogério Ceni, de pênalti. A diferença de pontos entre os times agora é de apenas quatro pontos.

CORINTHIANS

No Maracanã, o Corinthians foi derrotado pelo Flamengo com gol irregular marcado por Wallace, que estava em posição de impedimento. O resultado deixa a equipe paulista a dez pontos dos primeiros colocados, cada vez mais distante da luta pelo título. Fora de casa, o Corinthians tem apenas três vitórias, contra cinco empates e duas derrotas.

SANTOS

Com gol mal anulado, o Coritiba acabou perdendo para o Santos, ao ter um gol de Luccas Claro mal anulado. Dudu marcou o único da equipe paranaense, enquanto Robinho e Lucas Lima fizeram para os santistas. Assim, o Coritiba continua na zona de degola, com 20 pontos.

PALMEIRAS

O azar do Palmeiras no ano do centenário continua e, desta vez, saiu dos pés de Fred, responsável por dois dos três gols do Fluminense, no Maracanã. Com 35 pontos, os cariocas continuam tentando uma vaga na Copa Libertadores, enquanto os paulistas querem afastar a possibilidade de queda para a Série B.

OUTROS JOGOS

Atlético-MG e Grêmio protagonizaram o único 0 a 0 da rodada do Brasileirão, no Independência. O Criciúma encerrou um jejum de 10 jogos sem vencer ao fazer 1 a 0 no Goiás, mas ainda continua na zona de degola. Cada vez mais complicado na parte de baixo da tabela, o Botafogo foi derrotado pelo Internacional por 2 a 0. Já o Bahia terminou com a sequência de oito jogos de invencibilidade, com dois gols de Kieza e Maxi Biancucchi, em jogo marcado por briga entre as torcidas. O Vitória assumiu a lanterna ao perder para o Atlético-PR e a Chapecoense aplicou 3 a 1 no Sport.

NÚMEROS DA RODADA

21 gols foram marcados na rodada, média de 2,1 por jogo. Nove times não marcaram. Uma partida terminou sem gols.

45 cartões amarelos foram distribuídos. O Goiás foi a equipe mais indisciplinada: recebeu cinco advertências.

2 gols na rodada foram marcados de cabeça: Tiago Luiz (Chapecoense) e Eduardo Sasha (Internacional).

3 gols foram marcados de pênalti: Fred (Fluminense), Felipe Azevedo (Sport) e Rogério Ceni (São Paulo).

Casa cheia: 58.627 torcedores estiveram no confronto entre líder e vice. A torcida do São Paulo marcou o melhor público no Morumbi. No Maracanã, 32.400 pagantes na vitória do Flamengo.

Casa vazia: apenas 2.952 torcedores assistiram à vitória do Bahia, em Feira de Santana, a torcida do time tricolor não compareceu ao estádio para apoiar contra o Figueirense.

Sobe: 

* Invicto há nove jogos, o São Paulo derrotou o Cruzeiro na terceira vitória seguida.

* Com boa atuação e um golaço encobrindo o goleiro, Robinho é destaque no Santos.

Desce:

* Coritiba perdeu para o Santos e está na zona de rebaixamento há 18 rodadas.

* Fábio, goleiro do Palmeiras, falhou no terceiro gol do Fluminense.

Artilheiros:

* 10 gols: Marcelo Moreno e Ricardo Goulart (Cruzeiro).

* 9 gols: Barcos (Grêmio).

8 gols: Alexandre Pato (São Paulo) e Henrique (Palmeiras).

RACISMO

O racismo voltou a ser assunto durante o fim de semana esportivo. No México, um político não ficou muito feliz com a chegada de Ronaldinho Gaúcho ao Querétaro, clube que disputa a primeira divisão do país e chamou o atleta de "macaco". O outro Ronaldo, o "Fenômeno", também foi figura importante sobre racismo, ao criticar as declarações de Pelé sobre o caso Aranha, classificando a postura do "Rei" como "desastrosa". O goleiro Aranha, por sua vez, reiterou que não quer conhecer Patrícia Moreira. 

CAMPEONATO ESPANHOL 

A terceira rodada do Campeonato Espanhol foi de clássico em Madri. Real e Atlético se enfrentaram no Santiago Bernabéu, casa do time branco da cidade e a vitória foi dos visitantes. Cristiano Ronaldo até tentou, marcou o seu, mas não conseguiu evitar o revés por 2 a 1. Já na Catalunha, o Barcelona, com uma grande atuação de Messi e Neymar, não teve problemas para superar o Athletic Bilbao por 2 a 0, dois gols do brasileiro e se mantém como única equipe 100% no torneio. Valencia e Sevilla, que também ainda não perderam, aparecem na sequência da classificação.

3ª RODADA 

Almeria 1 x 1 Cordoba

Barcelona 2 x 0 Athletic Bilbao

Málaga 0 x 0 Levante

Real Madrid 1 x 2 Atlético de Madrid

Celta 2 x 2 Real Sociedad

Rayo Vallecano 2 x 3 Elche

Valencia 3 x 1 Espanyol

Sevilla 2 x 0 Getafe

Granada 0 x 0 Villarreal

CAMPEONATO INGLÊS

Diego Costa foi o "dono" da rodada no Campeonato Inglês. O brasileiro marcou três gols na goleada do Chelsea e já desponta como ídolo do time, já que soma sete gols em quatro jogos. A equipe azul lidera o torneio, dois pontos na frente de Aston Villa, que venceu o Liverpool fora de casa. Outro destaque da rodada foi a primeira vitória do Manchester United na temporada, com grande atuação de Di María e estreia de Falcão. No clássico entre Manchester City e Arsenal, empate por 2 a 2 em um jogo emocionante.

4ª RODADA

Arsenal 2 x 2 Manchester City

Chelsea 4 x 2 Swansea

Crystal Palace 0 x 0 Burnley

Southampton 4 x 0 Newcastle

Stoke 0 x 1 Leicester

Sunderland 2 x 2 Tottenham

West Bromwich 0 x 2 Everton

Liverpool 0 x 1 Aston Villa

Manchester United 4 x 0 Queens Park Rangers

CAMPEONATO ITALIANO

Milan, Juventus e Roma já despontam como favoritos ao título no Campeonato Italiano. As equipes venceram seus jogos no fim de semana e mantém campanha perfeita até aqui, com destaque para a vitória do Milan em um jogo de nove gols. A Inter também deu show na rodada, goleando o Sassuolo por 7 a 0, com três gols de Mauro Icardi.

2ª RODADA 

Empoli 0 x 1 Roma

Juventus 2 x 0 Udinese

Sampdoria 2 x 0 Torino

Cagliari 1 x 2 Atalanta

Fiorentina 0 x 0 Genoa

Inter 7 x 0 Sassuolo

Lazio 3 x 0 Cesena

Napoli 0 x 1 Chievo

Parma 4 x 5 Milan

 

CAMPEONATO ALEMÃO

Nenhuma surpresa no Campeonato Alemão. Bayern de Munique e Borussia Dortmund venceram, respectivamente, Stuttgart e Freiburg e já se destacam na temporada, junto com o Bayer Leverkusen, atual líder da competição, que empatou em 3 a 3 com o Werder Bremen. O Hannover bateu o Hamburgo e está na terceira colocação.

3ª RODADA

Bayer Leverkusen 3 x 3 Werder Bremen

Bayern de Munique 2 x 0 Stuttgart

Borussia Dortmund 3 x 1 Freiburg

Hertha Berlin 1 x 3 Mainz 05

Hoffenheim 1 x 1 Wolfsburg

Paderborn 0 x 0 Colônia

Borussia Monchengladbach 4 x 1 Schalke 04

Frankfurt 0 x 1 Augsburg

Hannover 2 x 0 Hamburgo

 

CAMPEONATO FRANCÊS

A expectativa é de muito equilíbrio no Campeonato Francês, já que os seis líderes da tabela estão separados por apenas dois pontos. O Lille, que superou o Nantes por 2 a 0, é o líder, com 11 pontos, seguido por Olympique de Marselha, Bordeaux e Saint-Etienne. O Paris Saint-Germain, grande favorito ao título, não passou de um empate com o Rennes e tem 9 pontos.

5ª RODADA

Lyon 2 x 1 Monaco

Rennes 1 x 1 Paris Saint-Germain

Bastia 1 x 1 Lens

Montpellier 1 x 0 Lorient

Nice 1 x 0 Metz

Reims 2 x 0 Toulouse

Saint Etienne 1 x 0 Caen

Lille 2 x 0 Nantes

Guingamp 2 x 1 Bordeaux

Evian 1 x 3 Marseille

VÔLEI

A seleção masculina de vôlei assegurou sua vaga na terceira fase do Mundial de Vôlei no sábado, quanto bateu o Canadá por 3 a 0. No domingo, venceu a Rússia por 3 a 1, se mantendo invicta na competição. Wallace, com uma entorse no tornozelo, Sidão, que sente dores no joelho e Murilo, que sentiu a coxa, são as preocupações de Bernardinho, que prepara a equipe para os confrontos da terceira fase, contra as equipes da Polônia e Rússia. Quem se sair melhor na chave avança para as semifinais. 

BASQUETE

Deu a lógica no Mundial de Basquete. Os Estados Unidos não tomaram conhecimento da Sérvia e venceram por 129 a 92, com grandes atuações de Kyrie Irving e James Harden, que anotaram 26 e 23 pontos, respectivamente. A vitória sobre o algoz do Brasil na competição garantiu o segundo título consecutivo dos norte-americanos. A França, que superou a Lituânia por 95 a 93.

 

TÊNIS

O Brasil fez história no Ginásio Ibirapuera ao vencer o confronto diante da Espanha por 3 a 1, garantindo uma vaga na elite da Copa Davis em 2015. Nos outros duelos do playoff, Índia, Argentina, Canadá, EUA, Austrália, Holanda, Croácia e Bélgica também triunfaram, ao passo que Suíça e França, após baterem Itália e República Checa respectivamente, fazem a decisão do Grupo Mundial em novembro. No feminino, Sabine Lisicki e Karin Knapp faturaram os títulos de Hong Kong e Tashkent. Em Quebec, a croata Mirjana Lucic-Baroni, que vem se recuperando no circuito, bateu a norte-americana Venus Williams na final.

UFC

No UFC Brasília, o bielorrusso Andrei Arlovski derrotou o brasileiro Antônio Pezão, se vingando da derrota sofrida em 2010 pelo extinto Strikeforce.

 

JUDÔ

No Grand Prix de Zagreb, o Brasil conquistou quatro medalhas de bronze, sendo uma no masculino (Diego Santos) e três no feminino (Rochele Nunes, Raquel Silva e Maria Portela). O destaque foi Rochele Nunes, que se vingou da turca Gulsah Kocaturk, responsável pela eliminação da brasileira na primeira luta do Mundial de Judô, realizado em Chelyabinsk, na Rússia.

BOXE

Floyd Mayweather Jr. segue invicto no boxe. Na noite do último sábado sábado (13), em Las Vegas, o lutador norte-americano derrotou o argentino Marcos Maidana por decisão unânime dos árbitros e manteve os cinturões dos meio-médios da Associação Mundial de Boxe e do Conselho Mundial de Boxe.

MOTOGP

Largando da segunda posição, Valentino Rossi assumiu a liderança no GP de San Marino e travou grande duelo com Marc Márquez até a oitava volta, quando cometeu um erro na oitava volta e caiu e deixou o caminho livre para o italiano conquistar sua 81.ª vitória na MotoGP.

STOCK CAR

Galid Osman e Ricardo Maurício venceram neste domingo a primeira e a segunda prova, respectivamente, da etapa do Velopark da Stock Car, a oitava da temporada, enquanto Átila Abreu, líder do campeonato, foi ao pódio na segunda corrida, enquanto Rubens Barrichello foi apenas o quarto colocado na primeira.

FÓRMULA E

Em Pequim, na China, o brasileiro Lucas di Grassi foi o vencedor da primeira prova da Fórmula E, categoria de monopostos movidos a motores elétricos. O piloto só assumiu a liderança na última volta, quando os líderes Nicolas Prost e Nick Heidfeld sofreram um acidente. Nelsinho Piquet foi apenas o nono colocado, enquanto Bruno Senna abandonou na primeira volta após problemas na suspensão de seu carro.

NATAÇÃO

No Desafio Raia Rápida de natação, realizado no Rio, a equipe brasileira ficou com o ouro ao somar 15 pontos. No revezamento 4x50, o quarteto formado por Matheus Santana, Nicholas Santos, Felipe França e Guilherme Guido terminaram a prova à frente dos Estados Unidos, África do Sul e da Austrália, que havia sido campeã no ano passado. Na prova dos 50m peito, Felipe França derrotou seu rival Cameron van der Burgh. Nos 50m costas, Guilherme Guido foi superado por Gehard Zandberg em 25s00, e nos 50m borboleta, Nicholas Santos venceu o americano Anthony Ervin.

Mais conteúdo sobre:
Resumo Esportivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.