Resumo esportivo: Palmeiras termina a rodada na lanterna

Resumo esportivo: Palmeiras termina a rodada na lanterna

E mais: Mineirão tem 49.534 torcedores no clássico Cruzeiro x Atlético-MG e Polônia impede o tetra do Brasil no Mundial de Vôlei

O Estado de S. Paulo

21 Setembro 2014 | 23h14

No primeiro clássico entre Corinthians e São Paulo no Itaquerão, os donos de casa se deram melhor e, mesmo saindo atrás do marcador, conseguiram a virada. O Palmeiras foi goleado pelo Goiás por 6 a 0 e terminou a rodada na zona do rebaixamento, enquanto o Santos bateu o Figueirense por 3 a 1 na Vila Belmiro. No vôlei, o Brasil perdeu para a Polônia e ficou com o vice no Mundial. Confira os principais destaques do fim de semana esportivo:

CORINTHIANS X SÃO PAULO

No clássico paulista, o São Paulo começou melhor, com gols de Souza e Edson Silva, mas foi surpreendido por dois pênalti bastante duvidodos convertidos por Fábio Santos, empatando a partida duas vezes. No segundo, Álvaro Pereira foi expulso, o que acabou desestruturando a equipe tricolor. Guerrero garantiu a vitória do Corinthians no fim.

PALMEIRAS

A crise do Palmeiras no ano do centenário parece não ter fim. No Serra Dourada, a equipe comandada por Dorival Júnior foi goleada por 6 a 0 pelo Goiás, com quatro gols marcados no primeiro tempo. Seis jogadores diferentes balançaram as redes: Ramon, Esquerdinha, Erik, David, Thiago Mendes e Wellinton Junior. Assim, o Palmeiras é o lanterna do Brasileirão, com 22 pontos.

SANTOS

Lucas Lima foi o protagonista da noite na Vila Belmiro. O meia deu duas assistências, para Leandro Damião e Robinho e ainda marcou um golaço, na vitória por 3 a 1 sobre o Figueirense. Mesmo com a derrota, o time catarinense teve boa atuação, o que pode dar esperanças ao torcedor na luta contra o rebaixamento. Giovanni marcou o gol dos visitantes.

OUTROS JOGOS

No fim de semana repleto de clássicos, Flamengo e Fluminense ficaram no 1 a 1 no Maracanã, com gols de Eduardo da Silva e Fred, mesmo resultado de Criciúma e Botafogo, no Heriberto Hülse. O Internacional fez 1 a 0 no Atlético-PR e se consolidou na terceira colocação, enquanto o Sport bateu o Coritiba pelo mesmo placar, deixando os paranaenses na zona de rebaixamento. Ainda por 1 a 0, o Grêmio venceu a Chapecoense, encostando no G-4. No clássico mineiro, o Atlético-MG venceu o líder Cruzeiro, por 3 a 2. Na Fonte Nova, o Vitória ganhou por 2 a 1, de virada, o rival Bahia, e deixou a lanterna, pulando para a 14.ª colocação.

NÚMEROS DA RODADA

30 gols foram marcados na rodada, média de três por jogo. Quatro times não marcaram. Nenhum jogo terminou sem gols.

49 cartões amarelos foram distribuídos. O Fluminense foi o time mais indisciplinado: recebeu cinco advertências.

5 gols de pênaltis: Paulo Baier (Criciúma), Zeballos (Botafogo), Fábio Santos (2) (Corinthians) e Giovanni (Figueirense).

Casa cheia: 49.534 torcedores assistiram ao clássico mineiro, em Belo Horizonte. No Fla-Flu, no Maracanã, 37.918; na Arena Corinthians, 34.688; e no Ba-Vi, na Fonte Nova, 25.192.

Casa vazia: 5.571 foi a torcida presente na partida do Santos contra o Figueirense, pior público da rodada, na Vila Belmiro. No Serra Dourada, 7.845, e em Criciúma, 8.748.

Sobe:

* Corinthians venceu o clássico paulista e diminuiu a distância para o líder Cruzeiro.

* Carlos marcou dois gols para o Atlético-MG no clássico contra o Cruzeiro.

Desce:

* Palmeiras foi goleado pelo Goiás, não vence há três rodadas e ocupa a última colocação.

* Álvaro Pereira foi expulso do clássico depois de cometer um pênalti em Guerrero.

Artilheiros:

* 11 gols: Marcelo Moreno e Ricardo Goulart (Cruzeiro)

* 9 gols: Barcos (Grêmio)

* 8 gols: Cícero e Fred (Fluminense), Henrique (Palmeiras) e Alexandre Pato (São Paulo)

CAMPEONATO ESPANHOL

O Real Madrid não tomou conhecimento e massacrou o La Coruña por 8 a 2 com três gols de Cristiano Ronaldo. Mesmo com Neymar saindo machucado, o Barcelona, que se mantém na liderança do campeonato, não ficou atrás e fez 5 a 0 no Levante com Messi marcando duas vezes. O Atlético de Madrid tropeçou e apenas empatou com o Celta em casa.

4.ª RODADA

Elche 0 x 2 Eibar

Deportivo La Coruña 2 x 8 Real Madrid

Athletic Bilbao 0 x 1 Granada

Atlético de Madrid 2 x 2 Celta de Vigo

Espanyol 2 x 2 Málaga

Real Sociedad 1 x 2 Almería

Villarreal 4 x 2 Rayo Vallecano

Córdoba 1 x 3 Sevilla

Levante 0 x 5 Barcelona

CAMPEONATO ALEMÃO

O Bayern de Munique teve a chance de assumir o primeiro lugar da competição, mas não passou de um empate sem gols com o Hamburgo. Com isto, o clube bávaro divide a liderança com outros times (Mainz e Hoffenheim), com oito pontos, mas o recém-promovido Paderborn leva vantagem nos critérios de desempate.

4.ª RODADA

Freiburg 2 x 2 Hertha Berlim

Augsburg 4 x 2 Werder Bremen

Paderborn 2 x 0 Hannover

Sttutgart 0 x 2 Hoffenheim

Hamburgo 0 x 0 Bayern de Munique

Schalke 04 2 x 2 Frankfurt

Mainz 2 x 0 Borussia Dortmund

Wolfsburg 4 x 1 Bayer Leverkusen

Colônia 0 x 0 Borussia Mönchengladbach

CAMPEONATO ITALIANO

Mesmo jogando no San Siro lotado, a Juventus não se intimidou e bateu o Milan por 1 a 0, com gol de Carlitos Tevez, e se mantém com 100% de aproveitamento no Italiano. A Roma superou o Empoli e também tem três vitórias em três jogos. O ex-palmeirense Danilo também fez gol na rodada e ajudou a Udinese a triunfar sobre o Napoli, ao passo que a Inter de Milão apenas empatou com o Palermo.

3.ª RODADA

Cesena 2 x 2 Empoli

Milan 0 x 1 Juventus

Chievo 2 x 3 Parma

Genoa 1 x 0 Lazio

Roma 2 x 0 Cagliari

Sassuolo 0 x 0 Sampdoria

Atalanta 0 x 1 Fiorentina

Udinese 1 x 0 Napoli

Palermo 1 x 1 Inter de Milão

Torino 0 x 1 Hellas Verona

CAMPEONATO INGLÊS

O principal destaque da rodada foi a virada incrível sofrida pelo Manchester United, que vencia o Leicester por 3 a 1, mas deixou o rival virar para 5 a 3, deixando o time comandado por Louis van Gaal na faixa intermediária da tabela. O Liverpool também decepcionou e perdeu do West Ham, enquanto o Arsenal fez 3 a 0 no Aston Villa. O meia Frank Lampard marcou contra seu ex-clube, o Chelsea, ajudando o Manchester City a empatar o jogo em 2 a 2.

5.ª RODADA

Queens Park Rangers 2 x 2 Stoke City

Aston Villa 0 x 3 Arsenal

Burnley 0 x 0 Sunderland

Newcastle 2 x 2 Hull City

Swansea 0 x 1 Southampton

West Ham 3 x 1 Liverpool

Leicester 5 x 3 Manchester United

Tottenham 0 x 1 West Bromwich

Everton 2 x 3 Crystal Palace

Manchester City 1 x 1 Chelsea

CAMPEONATO FRANCÊS

O Paris Saint-Germain ainda não engrenou no Campeonato Francês. Apesar de se manter invicto, o time dos brasileiros David Luiz e Thiago Silva empataram pela quarta vez, desta vez diante do Lyon, ficando três pontos atrás do primero colocado Olympique de Marselha, que divide a liderança com Bordeaux e Saint-Etienne.

6.ª RODADA

Bordeaux 2 x 1 Evian

Olympique de Marselha 3 x 0 Rennes

Lorient 0 x 1 Reims

Metz 3 x 1 Bastia

Nantes 2 x 1 Nice

Toulouse 3 x 3 Caen

Lille 0 x 0 Montpellier

Lens 0 x 1 Saint-Étienne

Monaco 1 x 0 Guingamp

Paris Saint-Germain 1 x 1 Lyon

FÓRMULA 1

Lewis Hamilton, que havia conseguido a pole position por sete milésimos de segundo, conquistou a sétima vitória no campeonato e assumiu a liderança. Com esse resultado no GP de Cingapura, o piloto inglês chegou aos 241 pontos e colocou três de vantagem para Rosberg, que abandonou com problemas no câmbio. Vettel e Ricciardo completaram o pódio. Massa chegou em quinto, logo atrás de Alonso.

FÓRMULA RENAULT

Pietro Fittipaldi, neto de Emerson, bicampeão mundial de Fórmula 1, conquistou o título da Fórmula Renault 2.0 britânica neste domingo. O pilto, de apenas 17 anos, conquistou dez vitórias em 13 etapas da temporada. Na rodada dupla deste domingo, disputada no circuito de Croft, na Inglaterra, Pietro venceu uma das provas - na abertura, ficou na segunda posição. 

VÔLEI

A seleção brasileira masculina de vôlei chegou perto de conquista o inédito tetracampeonato, mas perdeu a final do Mundial para a anfitriã Polônia. A vitória polonesa na decisão do título foi por 3 sets a 1, com parciais de 18/25, 25/22, 25/23 e 25/22. A Alemanha ficou com o terceiro lugar ao bater a França por 3 sets a 0.

Mais conteúdo sobre:
Resumo esportivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.