Ricardinho fala em voltar à seleção pela 1ª vez em 3 anos

Ricardinho fala em voltar à seleção pela 1ª vez em 3 anos

Jogador promete se apresentar, caso Bernardinho mantenha seu nome na lista [br]final para a Liga Mundial

Valéria Zukeran, O Estadao de S.Paulo

24 de março de 2010 | 00h00

Pela primeira vez desde 2007, Ricardinho fala em voltar a se apresentar à seleção brasileira masculina de vôlei. Quem garante é o seu empresário, Jorge Assef. "Ele disse que vai aceitar a convocação se ela acontecer", disse o responsável pelos negócios do levantador no Brasil. Anteontem, a Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) divulgou uma pré-lista de 22 convocados para a Liga Mundial na qual constava o nome do jogador. Do grupo, apenas 19 participarão da competição. A relação definitiva dos atletas sai no dia 30 de abril.

Ricardinho está afastado da seleção desde julho de 2007, quando foi cortado pelo técnico Bernardinho às vésperas do Pan do Rio. Na ocasião, os dois tiveram um sério desentendimento. O jogador foi chamado a voltar pelo treinador em outubro do mesmo ano, mas sob condição de um pedido de desculpas. O levantador, na época, se recusou e nunca mais foi chamado. "A diferença daquele momento para este foi que houve uma conversa", disse Assef.

O empresário não confirmou se o desentendimento entre Ricardinho e Bernardinho já foi totalmente superado por ambos, mas revelou que o preparador José Inácio esteve na Itália, onde encontrou o jogador. Uma conversa teria aberto a possibilidade da volta. O levantador, porém, só poderá chegar ao Brasil depois dos playoffs do Campeonato Italiano, onde defende a equipe do Sisley, de Treviso. Se o time for à final, o retorno será somente em maio.

Condicional. Ao comentar uma possível volta de Ricardinho, a CBV é cautelosa e ressalta que a lista divulgada anteontem terá três cortes. Como quatro levantadores foram pré-convocados há uma probabilidade razoável de dois ficarem de fora do grupo final. Bernardinho tem histórico de não se importar com nomes. Antes da Olimpíada de Pequim, por exemplo, convocou Nalbert, mas o cortou às vésperas dos Jogos.

PARA LEMBRAR

Briga afastou levantador da seleção há 3 anos

Os problemas entre Ricardinho e Bernardinho se tornaram públicos em julho de 2007, quando às vésperas do Pan do Rio o jogador foi cortado pelo técnico por se atrasar na reapresentação ao time. A situação se transformou em uma grande polêmica que acabou envolvendo outros jogadores do grupo que, mais tarde, seria medalha de prata na Olimpíada de Pequim. Bernardinho chegou a convocar o levantador para a Copa do Mundo, meses depois, sob condição de um pedido de desculpas mas, magoado, Ricardinho recusou. Só agora, voltou a ser convocado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.