Ricardo e Álvaro Filho ficam com prata no vôlei de praia

Ricardo e Álvaro Filho ficaram com a medalha de prata no Mundial de Vôlei de Praia. Neste domingo, a dupla brasileira foi derrotada na decisão pelos holandeses Brouwer e Meeuwsen na cidade de Stare Jablonki, na Polônia. Os europeus dominaram a partida desde o início e não tiveram grandes dificuldades para fechar em dois sets, com parciais de 21/18 e 21/16.

AE, Agência Estado

07 Julho 2013 | 14h44

Esta é a primeira vez que uma dupla holandesa conquista o Mundial, que é disputado desde 1997. Por outro lado, o Brasil perde a chance de vencer seu segundo título consecutivo da competição, já que Alison e Emanuel eram os atuais campeões com o troféu levantado em Roma, na Itália, em 2011.

No primeiro set, Ricardo e Álvaro Filho fizeram um duelo equilibrado até a metade da parcial, quando Brouwer e Meeuwsen conseguiram abrir a vantagem necessária para fechar. Já no segundo set, o saque dos holandeses encaixou e a dupla começou a tornar a vantagem elástica. Os brasileiros até tentaram reagir no fim, mas já era tarde.

Como consolo, Álvaro Filho pode comemorar o fato de ter sido eleito o jogador mais valioso da competição. "Nós nos superamos nesse campeonato. Dentre tantos grandes times, ficamos entre os dois melhores do mundo. Estou muito feliz por conquistar uma medalha de prata na minha primeira participação como profissional em um Mundial. Que venham mais pódios para a nossa dupla. Esse resultado serve de aprendizado para os próximos torneios", declarou.

Para piorar, o Brasil também foi derrotado na disputa do bronze. Os alemães Erdmann e Mitysik passaram por Alison e Emanuel, que haviam sido derrotados nas semifinais por Ricardo e Álvaro Filho. Os atuais campeões também fizeram um jogo equilibrado, mas acabaram caindo por 2 sets a 0, com parciais de 21/17 e 21/19.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.