Ricardo Jesus, goleador da Ponte, está na mira

O Corinthians mantém relação amistosa com a Ponte Preta, de quem observa dois jogadores: o atacante Ricardo Jesus e o meia Renatinho. O artilheiro da Série B, com 11 gols, poderia reforçar o Alvinegro já no Brasileiro. Renatinho só no ano que vem.

Vítor Marques, O Estado de S.Paulo

28 de julho de 2011 | 00h00

A contratação de um atacante passou a ser discutida porque o clube ficou sem muitas opções no setor com as contusões de Liedson e Adriano. Já a necessidade de um meia não é algo urgente, a menos que o clube negocie Paulinho com o futebol europeu.

A Ponte diz que não tem interesse em perder nenhum dos jogadores agora - a prioridade é conquistar o acesso à Série A, mas já sinalizou que para 2012 não será problema vendê-los. O motivo é que ambos estão emprestados à Ponte e os contratos terminam em dezembro.

Se a Ponte vendê-los até a próxima janela de transferências, ficará com 20% do lucro da negociação - Renatinho é do Coritiba e Ricardo Jesus, do russo CSKA.

Dos jogadores, o mais assediado, não só pelo Corinthians, é Ricardo Jesus. Flamengo, Fluminense e Grêmio também demonstraram interesse.

Dirigentes do Corinthians e da Ponte têm conversado quase que semanalmente sobre a possibilidade de fazer o negócio. A equipe de Campinas ainda tem recebido conselhos sobre marketing.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.