Marcelo Sayão/EFE
Marcelo Sayão/EFE

Rio de Janeiro sedia Mundial da classe star de vela em 2010

Competição terá a participação dos brasileiros Torben Grael, Robert Scheidt, Bruno Prada e Marcelo Ferreira

EFE,

31 de março de 2009 | 18h13

O Rio de Janeiro receberá o Mundial da classe star de vela em 2010, a ser disputado entre os dias 12 e 23 de janeiro do ano que vem na Baía de Guanabara.

Esta será a terceira vez que o Brasil sediará a competição, que contará com a presença de estrelas da modalidade como os brasileiros Torben Grael, Robert Scheidt, Bruno Prada e Marcelo Ferreira.

"Para nós é um sonho competir em casa e poder disputar um Mundial de star, competição com tanta tradição", explicou Scheidt no evento de apresentação, realizado nesta terça-feira.

O presidente da Confederação Brasileira de Vela e Motor (CBVM), Carlos Martins, disse que o evento é muito importante por trazer à capital fluminense à "elite da vela". A modalidade está perto de completar 100 anos de história.

Martins se defendeu também das críticas sobre o alto grau de poluição da Baía de Guanabara, que também sediará as competições de vela caso o Rio seja eleito sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

Ele lembrou que o governo prometeu limpar a baía para o evento e que isso levará "algum tempo", mas ressaltou que a tendência "é positiva" e a melhora na qualidade da água é "significativa".

O Rio de Janeiro é atualmente palco de uma das etapas da Volvo Ocean Race, regata de volta ao mundo de vela. Os barcos chegaram à Marina da Glória há poucos dias e no sábado disputam uma regata interna pela Baía de Guanabara. Uma semana depois, iniciam a sexta etapa, rumo à cidade americana de Boston.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.