Rivais de Cielo e Fratus serão principais nomes estrangeiros no Maria Lenk

O argentino Federico Grabich e o canadense Santo Condorelli, respectivamente ouro e prata dos 100m livre nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, são os principais nomes entre os estrangeiros inscritos para o Troféu Maria Lenk, que começa no próximo dia 15, no Rio. Como a competição serve como evento-teste do Estádio Aquático Olímpico, ela aceitava a participação de até 200 atletas estrangeiros. Apesar 55, entretanto, estão inscritos, de 11 países. No ano passado, haviam sido 27.

Agência Estado, Estadão Conteúdo

05 de abril de 2016 | 17h59

Pelo que foi definido pela Federação Internacional de Natação (Fina), os estrangeiros poderão participar normalmente da final A de cada prova. Mas a final B será restrita a brasileiros, incluindo os oito melhores nadadores do País que não entrarem na final A. Isso garante aos melhores brasileiros a oportunidade de cair duas vezes na piscina por prova para tentar o índice olímpico.

Entre os destaques internacionais inscritos estão os argentinos Federico Grabich, que foi bronze no Mundial do ano passado nos 100m livre, e Martin Naidich, ex-recordista sul-americano dos 1.500m. Outros dois velocistas de expressão são o finlandês Ari-Pekka Liukkone, bronze nos 50m livre no Europeu de 2014, e Santo Condorelli, prata nos 100m livre no Pan de Toronto.

Chile, China, Eslováquia, Japão (com um time júnior), Paraguai, República Tcheca, Ucrânia e Uruguai também enviarão atletas para o Maria Lenk, que é reconhecido pela Fina como evento válido para a tomada de índices para o Rio-2016.

Para o Brasil, o Maria Lenk serve como segunda e última seletiva para a formação da equipe, uma vez que a CBDA não reconhece os tempos feitos em outros eventos. Para que os atletas priorizem a classificação olímpica, não haverá disputa das provas não olímpicas: 50m costas, 50m borboleta, 50m peito, 1500m livre feminino e 800m livre masculino, além das provas de revezamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.