Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Rodrigo Pessoa pode herdar o ouro

O brasileiro Rodrigo Pessoa, que ganhou prata na prova de saltos individuais dos Jogos Olímpicos de Atenas, pode herdar a medalha de ouro. Tudo porque o cavalo vencedor, Waterford Crystal, do cavaleiro irlandês Cian O?Connor, é suspeito de doping e tem chances de ser punido com a perda do primeiro lugar.O Comitê Olímpico Internacional (COI) não divulga oficialmente a investigação, mas a Federação Eqüestre da Irlanda confirmou nesta sexta-feira o resultado positivo do exame antidoping do cavalo Waterford Crystal - resta agora a realização da contraprova. ?Eu acredito que ganhei a medalha limpa e justamente e que o cavalo não usou nada que pudesse fazê-lo saltar melhor?, defendeu-se Cian O?Connor, no mesmo comunicado divulgado pela Federação Eqüestre da Irlanda.Waterford Crystal, inclusive, não foi o único caso de doping no concurso olímpico de hipismo. Segundo a Federação Internacional Eqüestre divulgou também nesta sexta-feira, quatro cavalos foram flagrados dentre os 40 exames realizados durante os Jogos de Atenas - não foram citados os envolvidos.Caso Cian O?Connor seja mesmo punido pelo doping do seu cavalo, o primeiro lugar ficaria para Rodrigo Pessoa. Assim, o Brasil passaria a ter 5 medalhas de ouro, duas de prata e 3 de bronze nos Jogos Olímpicos de Atenas.

Agencia Estado,

08 de outubro de 2004 | 13h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.