Romenia dissolve equipe de ginástica

A Federação Romena de Ginástica anunciou a dissolução da equipe feminina do país, campeã olímpica em Atenas 2004, e a demissão de seus dois treinadores, Octavian Belu e Mariana Bitang, que tinham pedido demissão em protesto pela "indisciplina" das ginastas. O incidente que desencadeou a crise foi protagonizado por Catalina Ponor e Foarea Leonida, que deixaram a concentração no sábado passado e foram para uma casa noturna. "A indisciplina não leva a bons resultados. Eu não posso trabalhar nestas condições", explicou Belu. Catalina Ponor conseguiu os títulos individuais no solo, em que Daiane dos Santos ficou no 5º lugar, e no salto sobre o cavalo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.