Marwan Naamani/AFP
Marwan Naamani/AFP

Romeno bate recorde olímpico e leva ouro no tiro

Vitória encerra o domínio dos chineses nesta disputa olímpica

AE, Agência Estado

30 de julho de 2012 | 09h07

A primeira medalha de ouro olímpica distribuída nesta segunda-feira em Londres foi para a Romênia. Na final do rifle de ar de 10 metros do tiro esportivo, nesta manhã, o psicólogo Alin George Moldoveanu, terceiro colocado nos Jogos de Pequim, marcou 103.1 pontos e chegou a um total de 702.1 para ficar com o ouro.

No classificatório, mais cedo, ele já havia marcado 599 pontos, igualando o recorde olímpico do chinês Qinan Zhu, que fez a mesma pontuação na fase preliminar dos Jogos de Atenas/2004.

A medalha de prata no rifle de ar ficou com o italiano Niccolo Campriani, campeão da prova no Mundial de Munique/2000 e que, mais cedo, também fez 599 pontos na eliminatória, também recorde olímpico. Já a medalha de bronze foi para o terceiro colocado naquele Mundial, o indiano Gagan Narang.

A conquista do romeno encerra o domínio dos chineses nesta disputa olímpica. Em Pequim/2008, Atenas/2004 e Sydney/2000, o ouro ficou com atiradores chineses. Tao Wang, representante daquele país na final em Londres, terminou no quarto lugar. Qinan Zhu, que defendia o título olímpico, ficou em 10.º nas eliminatórias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.