Ronaldo jogaria se fosse ''volta''

Mano Menezes garantiu ontem que usaria Ronaldo esta noite caso o duelo com o Vasco fosse o de volta das semifinais. "Se fosse o decisivo, ele estaria em campo. Iríamos para o sacrifício, já que depois não haveria outra oportunidade", revelou o treinador. Ronaldo está com uma contratura leve na panturrilha direita e vem fazendo tratamento intensivo em dois períodos no Parque São Jorge. Deve voltar no segundo duelo com os cariocas, dia 3. Ontem, Ronaldo foi condenado a um jogo pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por puxar o cabelo de Fahel, do Botafogo, e vai cumprir no domingo, contra o Santos, partida em que já estaria fora por causa da lesão.O treinador ainda confirmou que o atacante vai ganhar folga em algumas rodadas do Brasileiro. "A questão levada em consideração é que precisamos retomar mais a carga de trabalho, aproveitar o sinalzinho luminoso que acendeu para recuperá-lo. Ele acaba perdendo essa carga de treinamento com a série de jogos."Mano minimizou a possível polêmica sobre a divulgação de que o jogador nem embarcaria para o Rio. "Não me atrapalhou em nada, porque nós não íamos fazer mistério. E ele é um homem grande, não ia conseguir escondê-lo."

Fábio Hecico, O Estadao de S.Paulo

27 de maio de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.