Mark Schiefelbein/AP
Mark Schiefelbein/AP

Rosângela Santos vai à semi e campeã olímpica corre na raia errada

Brasileira avança nos 200m e Campbell-Brown sai da raia 5 para a 4

Estadão Conteúdo

26 de agosto de 2015 | 09h37

Se a maioria dos brasileiros está fazendo feio no Mundial de Atletismo de Pequim, na China, Rosângela Santos ao menos cumpre bem o papel dela. Nesta quarta-feira, a velocista carioca foi segunda colocada da sua bateria nas eliminatórias dos 200m e avançou à semifinal da competição, que será disputada na quinta no Ninho do Pássaro.

Semifinalista também nos 100m, Rosângela não chegou a fazer o melhor tempo dela na temporada, mas fez o suficiente para se classificar à próxima etapa dos 200m, uma vez que avançavam as três primeiras de cada série. A brasileira só foi superada, na bateria, pela holandesa Dafne Schippers, uma das favoritas ao ouro.

Vitória Rosa, de apenas 19 anos, fez sua estreia em Mundiais ficando na sexta colocação da última das sete baterias eliminatórias. Com 23s32, fez o 37.º melhor tempo. Ficou longe da melhor marca dela na sua primeira temporada de destaque na carreira - 23s11.

O grande destaque das eliminatórias dos 200m, entretanto, foi a jamaicana Veronica Campbell-Brown, por um motivo peculiar. Campeã olímpica em Atenas (2004) e Pequim (2008) e mundial em Daegu (2011), a jamaicana simplesmente correu na raia errada.

Na curva, saiu da raia cinco e entrou na quatro, em que estava a britânica Bianca Williams, um passo atrás. Ficou lá toda a reta. Como a rival também se classificou e ninguém foi prejudicado, Campbell-Brown não foi eliminada. A semifinal será na quinta, a partir das 8h35 (de Brasília).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.