Roterdã terá sede do Mundial de Vôlei de Praia

A Federação Internacional de Vôlei (FIVB) anunciou a quarta cidade que irá receber jogos do Mundial de Vôlei de Praia do ano que vem. Roterdã, segundo município mais populoso da Holanda, vai se juntar a Amsterdã, Haia e a pequena Apeldoorn na organização do evento entre 26 de junho e 5 de julho do ano que vem.

Estadão Conteúdo

16 de outubro de 2014 | 13h49

Esta será a primeira vez que o Mundial vai acontecer em múltiplas localidades, envolvendo as duas cidades mais populosa (Amsterdã é a primeira), além de Haia, que é a capital administrativa da Holanda. Em Apeldoorn fica a segunda residência oficial da realeza holandesa.

As finais do Mundial vão acontecer em Haia, em uma quadra a céu aberto que será construída do lado do Parlamento. Em Amsterdã, o Mundial vai acontecer na Dam Square, uma das principais vias da cidade, mesma situação de Apeldoorn, que terá uma quadra no centro da cidade.

Neste ano, a FIVB já testou o formato de múltiplas cidades durante a etapa de Haia do Grand Slam de Vôlei de Praia. A competição, que distribuiu premiação recorde de US$ 1 milhão, teve jogos também em Apeldoorn e Amsterdã.

Tudo o que sabemos sobre:
vôlei de praiaRoterdã

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.