Claudio Furlan/LaPresse via AP
Claudio Furlan/LaPresse via AP

Rússia fecha CT de esportes olímpicos após 2 casos de coronavírus

Todas as sessões de treinamentos foram suspensas em Novogorsk, palco dos preparativos de competidores russos

Redação, Estadao Conteudo

02 de abril de 2020 | 21h04

O Ministério do Esporte da Rússia anunciou nesta quinta-feira que um importante centro de treinamentos em Novogorsk, nas proximidades de Moscou, foi fechado após um técnico e um atleta testarem positivo para o novo coronavírus.

O atleta foi hospitalizado e o treinador está confinado em casa, disse o ministério. Todas as sessões de treinamentos foram suspensas no CT em Novogorsk, palco dos preparativos olímpicos de competidores russos em inúmeros esportes. O local foi desinfetado e os atletas permanecem em quarentena.

O ministério não identificou o treinador e o atleta infectados. Mas o técnico é Andrei Rodionenko, da ginástica artística, de acordo com declarações da presidente da federação da modalidade, Irina Viner-Usmanova, à agência de notícias estatal Tass.

Além disso, o treinador de boxe russo Anton Kadushin, que participou de um torneio pré-olímpico no mês passado, em Londres, disse que deu positivo para o coronavírus. A Federação de Boxe da Rússia explicou que ele permanece em casa desde que voltou da competição.

Anteriormente, a federação turca havia dito que um de seus boxeadores e um de seus treinadores haviam testado positivo após a competição, que foi suspensa após três dias devido à pandemia. O COI declarou anteriormente que não era possível conhecer a fonte da infecção.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.