Sainz vence etapa e se aproxima do líder no Rally Dakar

Um dia depois de perder a liderança do Rally Dakar, o piloto espanhol Carlos Sainz conseguiu reagir nesta terça-feira e venceu a nona etapa da prova, que teve 235 quilômetros de trecho cronometrado com largada e chegada na cidade de Copiapó, no Chile. Apesar do resultado, ele permanece em segundo lugar na classificação geral dos carros, mas diminuiu a vantagem do líder Nasser Al-Attiyah, do Catar.

AE, Agência Estado

11 de janeiro de 2011 | 16h32

Atual campeão do Rally Dakar, Sainz manteve a liderança nas sete primeiras etapas da disputa deste ano - venceu quatro delas -, mas foi ultrapassado Al-Attiyah na segunda-feira. Nesta terça, porém, o espanhol ganhou com o tempo de 2h14min39, deixando o piloto do Catar em segundo lugar. Assim, a diferença entre eles na classificação geral da prova caiu para apenas 3 minutos e 18 segundos.

Na disputa das motos, a liderança continua com o piloto espanhol Marc Coma. Nesta terça-feira, ele conseguiu apenas a nona colocação, com tempo de 3h14min04, mas manteve a primeira colocação na classificação geral da prova. O melhor da nona etapa do rali foi o norte-americano Jonah Street, que surpreendeu os favoritos e completou o percurso na região de Copiapó em 3h06min56.

Entre os brasileiros, o piloto Guilherme Spinelli e o navegador Youssef Haddad conseguiram o oitavo lugar nesta terça-feira, com o tempo de 2h44min11, o que os manteve na nona colocação na disputa dos carros. E nas motos, Jean Azevedo é o melhor representante do Brasil: terminou a nona etapa na 13ª posição, com 3h16min11, aparecendo agora em nono na classificação geral.

Nesta quarta-feira, a caravana do Rally Dakar volta para a Argentina. A 10ª etapa da prova terá 176 quilômetros de trecho cronometrado, entre a chilena Copiapó e a argentina Chilecito.

Tudo o que sabemos sobre:
Rally Dakar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.