Christine Olsson/EFE
Christine Olsson/EFE

Salto com vara: Fabiana Murer decepciona e Isinbayeva vence na Suécia

Brasileira fica apenas na quinta posição e russa vence com a marca de 4,76 metros

AE, Agência Estado

29 de julho de 2011 | 17h51

ESTOCOLMO - Afastada há 18 meses das competições outdoor, a russa Yelena Isinbayeva mostrou, nesta sexta-feira, que segue sendo o grande nome do salto com vara feminino. Com folgas, venceu a etapa de Estocolmo da Diamond League, série de eventos que reúnem a nata do atletismo. Saltou 4,76 metros e fez a segunda melhor marca do ano. Fabiana Murer decepcionou e ficou apenas em quinto.

Isinbayeva, que decepcionou no Mundial de Berlim, vinha participando apenas de poucas provas indoor. Com o Mundial de Daegu se aproximando - acontece de 27 de agosto a 4 de setembro -, a russa voltou a competir ao ar livre. No final de semana passado, participou de um evento na Bélgica e, sob chuva, na sua estreia, saltou 4,60 metros.

Nesta sexta, Isinbayeva precisou de apenas três saltos para garantir a vitória. Errou a primeira tentativa de 4,64 metros, mas passou o sarrafo com tranquilidade no salto seguinte. Pulou os 4,70 m, voltando a saltar em 4,76 m. Mais uma vez, superou a marca com sobras. Com a vitória garantida, tentou 4,86m que seria o recorde da Diamond League. Errou os três saltos.

Fabiana Murer foi mal. Precisou de dois saltos para passar os 4,51 m. Assim como as principais rivais, abdicou de tentar 4,58 m e foi direto para 4,64 m. Não conseguiu nos dois primeiros saltos e se viu obrigada a partir logo para 4,70 m. Falhou novamente e acabou apenas na quinta posição.

"Gostaria de ter feito melhor. Estou bem fisicamente, mas sinto que meus saltos ainda estão inconstantes. O objetivo é mesmo usar essas competições antes do Mundial para ganhar constância nos saltos. Uma hora a técnica sai direitinho, em outra hora não sai", lamentou Murer, apenas quinta colocada no ranking mundial de 2011, com 4,70 m.

Fabiana volta a competir no dia 5 de agosto, em Londres, em mais uma etapa da Diamond League. A brasileira, atual campeã mundial indoor, vai tentar o título também outdoor no Mundial de Daegu, na Coreia do Sul.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.