Santos com a cabeça no clássico de domingo

O Santos tentou, mas não conseguiu tirar da cabeça o clássico com o Palmeiras, domingo, na Vila Belmiro, e pensar apenas no jogo contra o Sport, hoje às 20h30, no Recife. Em cima da hora da viagem para o Recife, o técnico Márcio Fernandes desistiu de levar os volantes Rodrigo Souto e Roberto Brum, aumentando para cinco os desfalques para a partida de hoje. Os outros três são Fabiano Eller (cumpre terceira partida de suspensão), o paraguaio Nelson Cuevas (contundido), e Bida (recebeu o terceiro cartão amarelo).Domingos e Wendel, que não jogaram contra o Figueirense, voltam. É provável que Wendel seja confirmado na lateral-direita, ficando para Adriano, Adoniran e Pará as vagas no setor. No ataque, Robson continua no ataque e Adailton será o companheiro de Domingos na zaga. Vencendo no domingo, Fernandes terminará o Brasileiro sem perder para os grandes paulistas, já que comandou o time nos empates com o São Paulo (0 a 0 e 1 a 1) e no segundo turno contra a Portuguesa (1 a 1, na Vila). Marca importante para um treinador que dá os primeiros passos no comando de uma equipe de ponta. Dois jogos têm fundamental papel para a parte de baixo da tabela de classificação. As duas partidas serão às 20h30: Vasco x Atlético-PR, em São Januário, e Figueirense x Fluminense, em Florianópolis.O Vasco faz péssima campanha, com apenas 30 pontos. Os paranaenses estão logo acima, com 31. Empatar não é uma opção para nenhum dos dois. No Vasco, Leandro Amaral não se recuperou da contusão no tornozelo esquerdo e continua fora. O zagueiro Eduardo Luiz sai para a entrada de Leandro Bomfim, desmanchando, portanto, o esquema com três defensores e partindo para o 4-4-2. No Fluminense todos classificam o jogo desta noite contra o Figueirense como de "vida ou morte".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.