Santos, com desfalques, aposta em Neymar

Neymar, o garoto de R$ 90 milhões, é a principal atração do Santos contra o Mogi Mirim, hoje às 19h10, no Pacaembu. Será a primeira vez que a maior esperança santista inicia um jogo pelo time principal, formando a dupla de ataque com Roni.Mas a saída de Domingos para a entrada de Neymar não será a única mudança que Vagner Mancini fará no time. O treinador vai aproveitar a ausência de cinco titulares ? Roberto Brum, Rodrigo Souto, Madson, Léo e Kleber Pereira ? para fazer experiências e trocar até o esquema 3-6-1 pelo 4-4-2. "Vamos jogar em São Paulo, mas é como se estivéssemos na Vila Belmiro", adiantou o treinador. "Por isso, além de fazer experiências, vamos armar um time mais ofensivo." Ele explicou que não está poupando Molina (tem dois cartões amarelos) para o clássico contra o Corinthians, domingo, no Pacaembu. "A saída dele é opção técnica. Mudo para mexer com o time. Não pouparia titular numa partida como essa, decisiva." Com o empate com o Paulista, na quinta, fracassou o projeto de Mancini de somar 9 pontos nos 3 jogos anteriores ao clássico com o Corinthians. A classificação para as semifinais já não é tão certa como parecia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.