Santos reclama na Federação sobre critério de árbitros

O Santos vai esperar a denúncia formal do TJD para escolher a linha de defesa para Neymar. Mas já partiu para o ataque na Federação Paulista de Futebol (FPF) para reclamar da arbitragem de Antônio Rogério Prado no clássico. Ontem, o representante do Santos na FPF, Marcelo Monteiro, fez queixa formal ao presidente da comissão de arbitragem, Marcos Marinho.

SANCHES FILHO, O Estadao de S.Paulo

16 de março de 2010 | 00h00

O dirigente manifestou a discordância em relação aos critérios adotados nas faltas, que teriam sido permissivos para o Palmeiras e rigorosos com o time da Vila. A direção do Santos prepara ofício formal com o mesmo teor, que será enviado para a FPF.

Após 64 jogos, Neymar foi expulso pela primeira vez anteontem, mas é a segunda em que é suspenso. Neste Paulista, contra o Bragantino, forçou o terceiro amarelo para não correr o risco de ficar fora do clássico com o Corinthians.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.