Santos sonha com o difícil retorno de Robinho

O retorno de Ronaldo, Fred e Adriano ao futebol brasileiro parece ter entusiasmado Robinho também a deixar o Manchester City e voltar a vestir a camisa do Santos. Descontente com sua situação no clube inglês, o jogador teria conversado com o presidente santista, Marcelo Teixeira, e externado sua vontade. O problema é o alto salário do jogador, o que torna inviável a negociação, pelo menos, por enquanto.Robinho deixou o Santos em 2005, depois de conquistar dois títulos brasileiros (2002 e 2004) pelo time de Vila Belmiro. Vendido por US$ 50 milhões ao Real Madrid, desembarcou na capital espanhola como astro. Não correspondeu e desde setembro atua pelo fraco Manchester City.Enquanto o retorno de Robinho é apenas um sonho, o técnico Vágner Mancini se recusa a acreditar que o Corinthians vai escalar apenas reservas para o clássico de amanhã à tarde, na Vila. Ele alega que se Mano Menezes tivesse tomado essa decisão, jamais informaria a escalação dois dias antes do jogo. E alega que se ele optar por uma formação alternativa, o jogo não será fácil. "A pressão será a mesma ou até maior. O que pesa é a marca Corinthians. Não importa se é o time A, B ou C." Antes do coletivo de ontem, Mancini conversou com os jogadores, mostrando a importância de uma vitória. Ele não esconde que se sente incomodado com os resultados negativos que teve diante do Corinthians. "Desde que cheguei, foi o único rival que nos venceu duas vezes. Mas temos condições de reverter esse quadro." Molina voltou a treinar no time titular, que deverá formar com: Fábio Costa; Luizinho, Fabão, Fabiano Eller e Léo (Pará); Roberto Brum, Rodrigo Souto, Madson, Paulo Henrique e Molina; Kléber Pereira.

SANTOS, O Estadao de S.Paulo

30 de maio de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.