São Paulo aposta em nervosismo do Flamengo para obter nova vitória

Maracanã cheio, milhares de torcedores ru bro-negros apoiando o Flamengo, boa fase dos cariocas com o triunfo sobre o Atlético-MG. O São Paulo pretende aproveitar esses fatores para voltar do Rio, amanhã, com mais uma vitória, o que o deixaria ainda mais perto de conquistar o Campeonato Brasileiro. ''''Joguei no Flamengo e sei que a torcida é impaciente: se conseguirmos segurar o jogo por 20 ou 25 minutos, os torcedores vão pegar no pé do time e poderemos aproveitar esse nervosismo'''', recomenda o zagueiro André Dias, que substituirá Miranda, suspenso, no Rio.Os paulistas esperam enfrentar um público de pelo menos 50 mil pessoas no Maracanã, mas garantem que estão preparados para a pressão. ''''A paciência é uma das nossas principais qualidades'''', comenta André Dias. ''''O Muricy sempre nos orienta a tocar a bola e não nos desesperarmos. O mais importante é não sofrermos gol, pois em algum momento nosso ataque vai marcar.''''A capacidade de administrar suas partidas no Brasileiro fez a equipe chegar a números surpreendentes - até para os próprios jogadores. ''''Era impossível imaginar que sofreríamos apenas nove gols em 28 jogos, num campeonato tão difícil'''', diz André Dias. ''''É um exemplo da maturidade da equipe'''', opina o zagueiro.SEM EUFORIAPara André Dias, outro reflexo desse amadurecimento é a frieza com que o elenco encara a vantagem na liderança do Brasileiro. ''''Estamos 12 pontos à frente do Cruzeiro, mas não nos empolgamos'''', garante. ''''No ano passado, até havia motivo para euforia, porque fazia muito tempo que o São Paulo não conquistava esse título. Agora, a tranqüilidade é maior.''''O zagueiro garante que o time está apenas pensando no Flamengo e não no Corinthians, adversário de domingo, no Morumbi. ''''A crise do Corinthians não nos interessa. Até sexta-feira, só pensamos no Flamengo'''', afirma.O volante Zé Luiz, no lugar de Hernanes, também suspenso, será a outra novidade diante do Flamengo. O centroavante Aloísio ainda se recupera de uma lesão muscular e será reavaliado hoje pelos médicos do clube. Mas suas chances de atuar no Maracanã são pequenas - o mais provável é que seja preservado para o clássico contra o Corinthians.

Giuliano Villa Nova, O Estadao de S.Paulo

03 de outubro de 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.