José Patrício/AE - 24/7/2010
José Patrício/AE - 24/7/2010

São Paulo revê número de gols e Rogério Ceni fica a quatro do centésimo

Em nova contagem, goleiro com mais gols na história do futebol já marcou 96 vezes na carreira

Marcius Azevedo, O Estado de S.Paulo

18 de janeiro de 2011 | 00h00

Rogério Ceni está mais próximo do centésimo gol. E não é porque ele marcou um na vitória sobre o Mogi Mirim na estreia no Paulista (vitória por 2 a 0). O São Paulo decidiu rever seus critérios e, em uma nova contagem, o goleiro agora está com 96, não mais 94.

A oficialização deve acontecer entre esta terça e quarta-feira, em nota oficial no site do clube. Mas, aos entrar em campo para enfrentar o São Bernardo, na quarta, no Morumbi, Rogério Ceni estará a quatro gols do 100.º.

Os polêmicos gols foram anotados em 1998 e 2000, mas não são reconhecidos pela Fifa. Em 2006, quando o Rogério Ceni estava próximo de ultrapassar Chilavert e se tornar o maior goleiro-artilheiro do futebol mundial, o São Paulo fez uma consulta à entidade e ouviu que não considera para o recorde os tentos anotados em amistosos.

Foram excluídos da lista os gols contra um combinado Rio-São Paulo, em 25 de janeiro de 1998, quando ele fez de falta no empate por 1 a 1, e diante do Uralan, da Rússia (vitória por 5 a 1), no Torneio Constantino Cury, em 17 de janeiro de 2000, em outra cobrança de falta.

O São Paulo também defende que o goleiro tem dois jogos a mais do que os 944 atuais. Eles foram anulados devido ao escândalo da Máfia do Apito em 2005.

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo FCRogério Cenifutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.