São Paulo também vai às compras no Figueirense

Clube quer zagueiro Edson Silva, que está na mira de Palmeiras e Santos

Paulo Galdieri, O Estado de S.Paulo

16 de dezembro de 2011 | 03h07

SÃO PAULO - O Figueirense parece mesmo ter se tornado o grande fornecedor de jogadores para os grandes clubes do País. Agora é a vez de o São Paulo ir buscar em Santa Catarina um reforço para o time de 2012.

O clube está na briga pelo zagueiro Edson Silva. E, a julgar pelo o que disse Fred Souza, sócio-presidente da agência de marketing esportivo Ability Sports, que detém os direitos sobre o jogador, é o clube que está mais perto de fechar com ele.

"O São Paulo tem interesse e a proposta é algo mais interessante. Ainda não é bem o que a gente quer, mas a diferença é pouca. Devemos definir as coisas nas próximas horas."

O São Paulo saiu atrás nessa corrida, mas passou à frente de Palmeiras e Santos, outros que também têm interesse.

"O Palmeiras fez uma proposta e fizemos uma contraproposta, mas eles não responderam. O problema está na forma de pagamento. Nem tanto os valores. A diferença é muito grande. Diria que hoje eu acho difícil sair negócio", falou Souza. "O Santos foi o primeiro a nos procurar. Eles queriam o jogador por empréstimo, mas o assunto deu uma esfriada por culpa do Mundial", disse o agente.

Enquanto negocia por mais zagueiros, o São Paulo recebeu uma má notícia na quinta-feira. A diretoria do Cruzeiro rejeitou oficialmente a proposta do Tricolor por Montillo (R$ 14,5 milhões mais Henrique, Jean e Carlinhos Paraíba). A diretoria, no entanto, deve formular nova proposta.

DAGOBERTO

Marcos Malaquias, empresário de Dagoberto, afirmou, via Twitter, que o atacante se apresentará junto com os outros atletas do elenco, dia 4 de janeiro, no CT de Cotia e que fica no clube até abril.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolSão Paulo, mercado do futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.