Robson Fernandjes/AE
Robson Fernandjes/AE

São Paulo testa a sua dependência de Lucas

Sem entusiasmar nos últimos jogos, time pega Figueirense, no Morumbi, e aposta em nova grande atuação do atacante

Bruno Deiro, O Estado de S.Paulo

28 de maio de 2011 | 00h00

No último jogo antes de se apresentar à seleção brasileira, Lucas é o motivo para a torcida do São Paulo ir hoje às 21 horas ao Morumbi. Em alta num time pouco empolgante, o meia é a atração contra o Figueirense.

A atuação arrasadora de Lucas na estreia contra o Flu (vitória por 2 a 0, no Rio) reforçou a dependência que o time de Paulo César Carpegiani tem em relação ao garoto, de 18 anos.

A exemplo de Neymar no Santos, ele se tornou a principal espectativa são-paulina de lances bonitos e gols numa equipe cheia de volantes. Único entre os paulistas convocados por Mano Menezes a entrar em campo no fim de semana, o camisa 10 quer mostrar serviço antes dos amistosos contra Holanda, em Goiânia (dia 4 de junho) e Romênia, no Pacaembu (7).

Ao seu lado, Lucas terá o reforço de Fernandinho, que retorna para compor o trio com Dagoberto. "O Fernandinho ainda não vai estar em totais condições, mas volta ao time", confirmou Carpegiani, que considera esta a formação ofensiva ideal.

Rogério Ceni, que ontem treinou normalmente, não teve o retorno assegurado. "Ele deixou o treino hoje (ontem) com um pouco de dor, mas tem um dia para recuperar. Vamos esperar para tomar a decisão", diz o técnico.

Há 98 jogos seguidos no gol tricolor, o goleiro quer completar o centésimo. Tem como meta, ainda, chegar à milésima partida pelo São Paulo até o fim do ano - soma 977 até agora.

Na defesa, sem Alex Silva e com Miranda machucado, o esquema com dois zagueiros volta a se repetir. A dupla Xandão e Rhodolfo terá a proteção do volante Wellington (20 anos), que ganhou a posição de titular.

Para Carpegiani, ele é o único volante do time. Carlinhos Paraíba e Casemiro, segundo o técnico, atuam como meias.

O Figueirense, rival de hoje, bateu o Cruzeiro (1 a 0) em casa na estreia e tem apenas uma dúvida no ataque: Coutinho, Lenny e Aloísio brigam por uma vaga.

Sacode a poeira. Eliminados nas semifinais da Copa do Brasil no meio da semana, Ceará e Avaí voltam a entrar em campo hoje contra Internacional e Atlético-MG, respectivamente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.