Sergio Shipuya
Sergio Shipuya

São Silvestre vai reciclar copos plásticos usados pelos corredores

Projeto inédito pretende reforçar o conceito de economia circular na prova do dia 31 de dezembro

Gonçalo Junior, O Estado de S.Paulo

27 de dezembro de 2019 | 18h58

Os copos plásticos de água distribuídos aos participantes da 95ª Corrida Internacional de São Silvestre, dia 31 de dezembro, em São Paulo, serão recolhidos, reciclados e transformados em lixeiras para a coleta seletiva. Serão distribuídos um total de 720 mil unidades. A reciclagem será possível graças à parceria do Movimento Plástico Transforma e da Yescom, organizadora da prova.

Os 15 km da corrida exigem dos atletas muita hidratação e a embalagem de plástico é a maneira mais apropriada para o participante ingerir o líquido de forma rápida e segura. Os organizadores distribuem milhares de copos de água, em diversos pontos ao longo do percurso. A iniciativa procura evidenciar a importância da economia circular. Um dos objetivos do Movimento Plástico Transforma é estimular a reciclagem de materiais e educar quanto ao uso e o descarte corretos.

Equipes responsáveis pela coleta dos copos estarão ao longo do percurso para recolher o material descartado. Ao fim da corrida, caminhões recolhem o material e encaminham a uma recicladora, onde ocorre o processo de triagem e reciclagem. A matéria-prima reciclada é então transformada em novos produtos: lixeiras para coleta seletiva que serão doadas a instituições.

“Queremos aproveitar um evento tão grande como a São Silvestre para conscientizar sobre a importância do descarte correto e do poder da reciclagem. Embalagens descartáveis podem ser transformadas em objetos que contribuam para uma sociedade mais sustentável”, afirma Simone Carvalho, uma das coordenadoras do Movimento Plástico Transforma.

Criado em 2016, o movimento procura mostrar a utilização e a reutilização do plástico de forma criativa e responsável em soluções que podem transformar o dia a dia e o futuro da população. A primeira iniciativa do Movimento Plástico Transforma foi a instalação interativa PlastCoLab, uma ação que já impactou mais de 37 mil pessoas e contou com quatro edições em São Paulo, Porto Alegre, Salvador e Brasília.

O movimento também é responsável pela Estação Plástico Transforma, iniciativa instalada no Parque KidZania, no Shopping Eldorado, em São Paulo, que procura demonstrar de forma lúdica e educativa as principais etapas do processo de reciclagem do plástico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.