Kazuhiro Nogi/AFP
Kazuhiro Nogi/AFP

Sasaki é quinto na final do salto no Mundial de Ginástica

Norte-coreano Se Gwang Ri ganha a competição; ucraniano Igor Radivilov e o norte-americano Jacob Dalton completam o pódio

Estadão Conteúdo

12 de outubro de 2014 | 09h45

O Brasil encerrou neste domingo a sua participação no Mundial de Ginástica Artística, que foi realizado em Nanning, na China, com a quinta colocação de Sérgio Sasaki na disputa do salto, com 15,016 pontos. A final acabou sendo vencida pelo norte-coreano Se Gwang Ri, com 15,416.

O pódio foi completado pelo ucraniano Igor Radivilov, que ficou em segundo lugar, com 15,333 pontos, e pelo norte-americano Jacob Dalton, o terceiro colocado, com 15,199. O técnico Renato Araújo acredita que faltou pouco para Sasaki subir ao pódio neste domingo.

"Eu já participei de várias finais de salto em Mundiais e muitas falhas acontecem. O primeiro salto do Sasaki sempre é muito bom, mas hoje não foi. O segundo é novo e foi apresentado pela segunda vez. Por isso, queríamos que terminasse em pé e ele conseguiu. Não éramos favoritos a medalha, mas entramos em oitavo e conseguimos o quinto lugar. Apesar disso, daria para o bronze, porém como sempre digo, na final de salto tudo pode acontecer", analisou.

O resultado de Sasaki foi o último do Brasil em um Mundial com um saldo positivo para a seleção masculina. Afinal, o País conseguiu um inédito sexto lugar na disputa por equipes. Além disso, Arthur Zanetti foi o segundo colocado nas argolas e Diego Hypolito conquistou o terceiro lugar no solo. Já a seleção feminina ficou apenas na 16ª colocação na disputa por equipes.

OUTRAS FINAIS

Também neste domingo, o ucraniano Oleh Vernyayev conquistou a medalha de ouro na disputa das barras paralelas, o holandês Epke Zonderland foi bicampeão na barra fixa, e a norte-americana Simone Biles se consagrou como principal nome deste Mundial ao vencer mais duas finais, no solo e na trave. Assim, ela encerrou a competição em Nanning com quatro ouros - os outros foram conquistados na disputa por equipes e no individual geral.

Tudo o que sabemos sobre:
ginásticaMundialSérgio Sasakisalto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.