Sauber

Depois do seu último teste, no dia 12 em Barcelona, Robert Kubica afirmou: "Vou para o campeonato mais animado que no ano passado. Estamos rápidos, consistentes, mas vejo a Ferrari ainda um pouco a nossa frente." O polonês confirmou a eficiência do sistema de recuperação de energia (Kers) da BMW, mas lamentou, de novo, que o regulamento privilegie pilotos de menor peso. "Não estamos podendo distribuir o peso do lastro como gostaríamos por causa do peso do Kers e pelo fato de eu ser alto e um pouco mais pesado", afirmou.Mas o seu companheiro, Nick Heidfeld, é junto de Felipe Massa o piloto mais baixo da competição, 1,66 m, e o desempenho do modelo F1.09 da BMW não se altera tanto como poderia se imaginar pela explicação de Kubica. Os testes de pré-temporada sugerem que a BMW não avançou de 2008 para cá como talvez os próprios alemães esperavam. Há indícios até de poderem ser superados pela Toyota, também de acordo com os resultados dos últimos testes em Barcelona.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.