Divulgação
Divulgação

Scheidt cai para vice-liderança em competição na Star

Nesta sexta-feira, acontecem as três últimas regatas da fase de classificação, com o primeiro colocado avança direto para a semifinal

Estadão Conteúdo

04 de dezembro de 2014 | 20h40

Os velejadores brasileiros Robert Scheidt e Bruno Prada caíram para a vice-liderança após a disputa do segundo dia da Star Sailors League Finals, nesta quinta-feira, em Nassau, nas Bahamas. Agora, passadas seis das nove regatas da fase de classificação da competição da classe Star, a dupla soma 18 pontos perdidos, atrás apenas dos norte-americanos Mendelblatt e Fatih, que estão com oito pontos perdidos.

Criada no ano passado, a Star Sailors League Finals tenta manter a Star em evidência mesmo após a saída da classe do programa olímpico. Na primeira edição do evento, no ano passado, também nas Bahamas, os brasileiros foram campeões. Agora, eles reuniram a dupla novamente para tentar o bicampeonato - de olho na Olimpíada do Rio, Scheidt está dando prioridade atualmente à Laser.

Depois de boa performance no dia anterior, quando abriram o evento na liderança - tiveram um primeiro, um segundo e um sétimo lugares nas três regatas -, Scheidt e Bruno Prada foram ultrapassados pelos norte-americanos nesta quinta-feira. Dessa vez, os brasileiros chegaram duas vezes na quarta posição e uma outra na sétima, enquanto Mendelblatt e Fatih somaram duas vitórias e uma segunda posição.

Reunindo 20 das principais duplas da classe Star na vela mundial, a competição nas Bahamas tem mais uma tripulação brasileira bem colocada. Jorge Zarif e Henry Boening tinham terminado o primeiro dia na terceira posição, mas não conseguiram manter o mesmo ritmo e estão agora em oitavo lugar na classificação. Apesar disso, eles têm boas chances de avançar para a fase decisiva.

Nesta sexta-feira, acontecem as três últimas regatas da fase de classificação. O primeiro colocado avança direto para a semifinal, enquanto as duplas que terminarem de segundo a 11º lugar vão encarar as quartas de final, quando apenas seis delas vão avançar. Aí, dos sete semifinalistas, quatro passam para a final que apontará o campeão - essas três regatas decisivas serão todas no sábado.

Tudo o que sabemos sobre:
velaRobert Scheidt

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.