Schumacher volta e mostra sua classe

Alemão acelera a Ferrari de Massa, em Barcelona, e fica em terceiro

O Estadao de S.Paulo

26 de fevereiro de 2008 | 00h00

Barcelona - Agora restam apenas o treino de hoje e o de amanhã, no Circuito da Catalunha, em Barcelona. Depois disso, os carros voltarão à pista apenas no dia 14, sexta-feira do GP da Austrália, etapa de abertura do Mundial. Com exceção da Super Aguri, ontem as demais dez equipes treinaram na Espanha. A grande atração do teste foi a presença de Michael Schumacher com a Ferrari de Felipe Massa. Como sempre, mostrou sua competência ao completar, aos 39 anos, 83 voltas no traçado de 4.655 metros e registrar o 3º tempo, a apenas 152 milésimos do mais rápido do dia, Lewis Hamilton, da McLaren, 1min22s276 (78 voltas). O campeão do mundo, Kimi Raikkonen, ficou em 2º, 1min22s319 (82). Confirmando ter nascido muito bem, o novo Williams FW30, do veloz japonês Kazuki Nakajima, obteve o 4º tempo, 1min22s724 (54).Os pilotos estavam em condição de corrida porque sexta-feira, ao simular uma classificação, Massa levou a Ferrari F2008 a 1min20s508. Fernando Alonso, Renault, foi o 7º, 1min23s021 (79), Nelsinho Piquet, seu companheiro, 14º, 1min23s442 (42) e Rubens Barrichello, Honda, o 17º, 1min24s460 (115).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.