Divulgação
Divulgação

Seleção Brasileira de rúgbi ganha nova linha de roupas

As camisas de jogo trazem o distintivo da CBRu e foram desenvolvidas com materiais mais resistentes

estadão.com.br,

18 de agosto de 2011 | 12h58

SÃO PAULO - Dentro da estratégia de tornar o esporte mais popular no Brasil, a Confederação Brasileira de Rugby vem investindo na modalidade e proporcionando um intercâmbio internacional maior entre os atletas, tanto no masculino quanto no feminino. E agora a entidade, junto com a Topper, fornecedora de material esportivo da Seleção, lançou uma nova linha de uniformes.

As camisas de jogo trazem o distintivo da CBRu e foram desenvolvidas com materiais mais resistentes (elastano e poliamida), para suportar o contato físico que o esporte exige. As costuras também foram reforçadas e na parte da frente as camisas possuem um sistema de grip, que evita com que a bola escorregue.

Além dos uniformes oficiais de jogo, a Topper lançou ainda uma camisa réplica, cerca de R$ 70 mais barata que a oficial (R$ 119,90). E para vestir as delegações brasileiras e os apaixonados pelo esporte, haverá também uma coleção casual, com modelos femininos de corte acinturado, em duas opções de cores (R$ 109,90), e as camisas polos masculinas, que inclui ainda uma versão de manga comprida (R$ 119,90 a 139,90).

Desde 2009 a Topper é parceira da Confederação Brasileira, que sonha em fazer bonito nos Jogos Olímpicos de 2016, quando o Brasil será representado por equipes no masculino e feminino. As disputas da modalidade serão em São Januário e, principalmente no feminino, a Seleção tem boas chances de medalhas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.