Seleção brasileira está a uma vitória da elite do beisebol

Basta uma vitória contra o Panamá, na casa do adversário, para que o Brasil dispute a Copa do Mundo da modalidade pela primeira vez

Amanda Romanelli, O Estado de S. Paulo

19 de novembro de 2012 | 19h48

CIDADE DO PANAMÁ - O beisebol brasileiro está a uma vitória de conseguir um feito histórico: nesta segunda-feira, a partir das 23 horas, a seleção do País pode garantir pela primeira vez sua classificação ao World Baseball Classic (WBC), o equivalente a Copa do Mundo da modalidade, que será realizado pela terceira vez em março de 2013.

 

Para isso, o Brasil precisa vencer o Panamá, em jogo realizado na casa do adversário. Assim como boa parte do países da América Central, os panamenhos têm tradição no esporte, ao contrário dos brasileiros. Na campanha classificatória, que começou no dia 15, o Brasil surpreendeu o mundo do beisebol ao derrotar o Panamá por 3 a 2. No jogo seguinte, outra vitória, desta vez contra a Colômbia, por 7 a 1.

 

O WBC é organizado pela Major League Baseball (MLB), a liga americana de beisebol, em conjunto com outras ligas profissionais e associações de jogadores ao redor do mundo. Por causa dessa união, os principais atletas dos EUA e do Japão, potências do esporte, participam do campeonato. Os japoneses venceram as duas edições disputadas até hoje, em 2006 e 2009.

 

O bom momento do beisebol brasileiro nas eliminatórias para o WBC coincide com o ano em que o País tem, também pela primeira vez, um jogador na MLB. O catcher Yan Gomes, nascido em Mogi das Cruzes, foi contratado em maio pelo Toronto Blue Jays.

 

O Brasil também investiu na mão de obra estrangeira para dar um salto de qualidade. Para dirigir a seleção na qualificatória, contratou como técnico o americano Barry Larkin, que faz parte do Hall da Fama da MLB e foi campeão da World Series em 1990, como jogador do Cincinatti Reds.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.