Seleção de rúgbi vai voltar ao Pacaembu dia 30 para pegar o Chile

Em sua primeira partida no estádio, Brasil levou 10,4 mil torcedores

Estadão Conteúdo

06 de abril de 2016 | 16h46

O relativo sucesso da iniciativa de realizar um amistoso da seleção brasileira masculina de rúgbi no Pacaembu em dezembro do ano passado incentivou a Confederação Brasileira de Rúgbi (CBRu) a organizar mais uma partida no estádio municipal paulistano. Nesta quarta-feira, a entidade anunciou que o Brasil volta ao Pacaembu para enfrentar o Chile pela segunda rodada do Campeonato sul-americano.

Diante da Alemanha, a seleção atraiu cerca de 10,4 mil torcedores, batendo o recorde de público da modalidade no País. No jogo contra o Chile, dia 30, sábado, às 16h15, novamente os ingressos serão gratuitos.

"É muito importante para o desenvolvimento do rúgbi poder fazer jogos em grandes estádios que ajudem a popularizar o esporte. O Pacaembu nos forneceu uma experiência única", diz Agustin Danza, CEO da CBRu.

O Brasil estreia no Sul-Americano no dia 23 de abril, contra o Uruguai. De acordo com a CBRu, o jogo também será na cidade de São Paulo, em estádio "a ser definido". Depois, a equipe faz o terceiro jogo do triangular contra o Paraguai, fora de casa.

A competição é no chamado rúgbi union (ou rúgbi XV), formato tradicional da modalidade, disputado por times com 15 jogadores de cada lado. Na Olimpíada será disputado do rúgbi sevens, que tem equipes de sete atletas e jogos muito mais curtos, a ponto de um campeonato todo ser realizado em um dia.

Tudo o que sabemos sobre:
OlimpíadaRugbi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.