Reprodução
Reprodução

Seleção feminina de handebol perde da França na estreia de treinador

Partida faz parte da preparação da equipe para o Mundial, em dezembro, na Alemanha

Estadão Conteúdo

29 de setembro de 2017 | 20h17

A seleção brasileira feminina de handebol foi derrotada na estreia do técnico espanhol Jorge Dueñas, nesta sexta-feira. Em amistoso disputado em Brest, as brasileiras foram derrotadas pela seleção da França em confronto equilibrado, pelo placar de 23 a 21.

A partida faz parte da preparação da equipe para o Mundial, em dezembro, na Alemanha. No domingo, as duas seleções farão novo amistoso, desta vez em Paris, às 10 horas (horário de Brasília).

"Foi um bom jogo, interessante em linhas gerais. A defesa esteve um pouco desajustada no começo, mas depois conseguimos melhorar. No ataque tivemos alguns erros de finalização, de arremessos. Na segunda parte começamos bem, mas a defesa da França nos causou alguns problemas e elas conseguiram uma vantagem no placar, mas a equipe do Brasil recuperou bem o tom defensivo. Conseguimos chegar aos últimos minutos com um marcador muito fechado e tivemos oportunidade de passar à frente", analisou Dueñas.

O novo treinador da seleção aproveitou o amistoso para testar as jogadoras. Ao todo, ele levou uma delegação de 18 atletas para a França. "No geral creio que, com quatro dias de treinamento, a equipe esteve bem. Utilizamos quase todas as jogadoras para ver como atuavam em uma partida de nível internacional", comentou.

Dueñas foi contratado para substituir o dinamarquês Morten Soubak, que deixou o cargo em dezembro após uma grande passagem pela seleção. Com o treinador da Dinamarca, o Brasil foi campeão mundial em 2013 e ainda faturou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2011.

Tudo o que sabemos sobre:
handebolJogos Pan-americanosHandebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.