Mauricio Val/Divulgação
Mauricio Val/Divulgação

Sem Autuori, Dorival Júnior é o favorito para assumir o Vasco

Diretoria vascaína quer anunciar o novo técnico antes do clássico contra o Flamengo

O Estado de S.Paulo

09 de julho de 2013 | 16h51

RIO - Após confirmar a saída de Paulo Autuori na manhã desta terça-feira, o Vasco  já está em busca de um novo treinador, inclusive tendo uma reunião prevista com Dorival Júnior entre esta terça e quarta-feira para fechar a negociação com o ex-técnico do Flamengo. O encontro ainda não está confirmado pela falta de disponibilidade de Dorival, que não se encontra no Rio de Janeiro.

Em entrevista coletiva feita nesta terça-feira, o presidente Roberto Dinamite prometeu definir a situação do próximo comandante da equipe vascaína antes do clássico contra o Flamengo, marcado para o próxmo domingo. Na mesma coletiva, o diretor de futebol Ricardo Gomes confirmou que a diretoria já conversava com o possível novo treinador do clube e ele agradaria a torcida, mas  ainda não haviam iniciado uma negociação formal

Dorival ganha força no Vasco por ter sido o treinador responsável pela campanha do título da Série B do Brasileirão em 2009. Ele acabou saindo do clube no final daquele ano, alegando falta de estrutura para se trabalhar. O Vasco ainda deve cerca de R$ 750 mil ao treinador, de acordo com o balanço patrimonial de 2012 do clube. Desde então, o treinador passou pelo Santos, Atlético-MG, Internacional e Flamengo.

Paulo Autuori se desligou do Vasco depois de não ter atendido o seu pedido para que os salários atrasados do clube fossem acertados no início de julho, além de outras reinvidicações que não foram cumpridas pelos dirigentes. O agora ex-vascaíno é o favorito para assumir o São Paulo.

Caso não ocorra o acerto com Dorival, a diretoria vascaína ainda cogita a possibilidade de negociar com Ney Franco, campeão da Copa Sul-Americana com o São Paulo em 2012, que foi demitido pela equipe paulista no final da última semana.

Tudo o que sabemos sobre:
BrasileirãoVascoAutuoriDorival

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.